Apocalypse: show com Yes, novos integrantes e coletânea britânica

Estadão

24 de agosto de 2013 | 16h15

Eliton Tomasi – Som do Darma e Whiplash

Um dos maiores nomes do rock progressivo brasileiro, o APOCALYPSE fez recentemente aquele que se tornou um dos shows mais importantes de sua carreira. Depois de realizar concertos de abertura para nomes como Nazareth, Uriah Heep, Joe Lynn Turner e Pendragon, no último mês de Maio a banda dividiu o palco com ninguém menos que o YES, uma de suas principais influências. O show aconteceu no auditório Araujo Viana em Porto Alegre/RS e reuniu um grande público que pode ver o APOCALYPSE executar temas do novo DVD “The Bridge of Light” como “Ocean Soul”, “Last Paradise” e “Follow the Bridge”. Ao fim da apresentação, o APOCALYPSE foi aplaudido em pé pelo público.

Imagem

Num momento importante da carreira, o APOCALYPSE também anuncia duas mudanças significativas em sua formação, a entrada dos músicos Carlos D´elia e Rainer Steiner Campos.

Carlos veio para preencher o posto de baixista que há muito estava vago no APOCALYPSE. Seu show de estréia com a banda foi na própria apresentação de abertura para o YES, o que para ele teve um significado todo especial. “Minha entrada na Apocalypse foi acontecer em um momento ímpar de minha carreira”, conta o músico. “Depois de ter trabalhado com música instrumental, Jazz e MPB, queria voltar a desenvolver um trabalho voltado ao Rock. Sempre apreciei muito o progressivo, e agora terei a oportunidade de colocar em prática, em estúdio e nos palcos, toda essa bagagem musical oriunda de outros segmentos.”

Já Rainer Steiner Campos vem para substituir o baterista Fabio Schneider. Sua entrada na banda foi um tanto quanto natural, já que Rainer sempre foi fã de rock progressivo e amigo dos músicos do APOCALYPSE. “Sempre acompanhei de perto a carreira da Apocalypse e posso dizer que no Brasil são poucas as bandas que realmente se destacam nesse estilo. Sempre tive o desejo de fazer esse tipo de som e quando me foi feito o convite para me juntar à banda, senti que aquele era um caminho natural. Chegou a hora de contribuir com minhas baquetas e a experiência de 35 anos de shows, gravações e composições”, declarou o músico.

 

Além de Carlos D´elia e Rainer Steiner Campos, a atual formação do APOCALYPSE conta com Gustavo Demarchi (vocais e flauta), Eloy Fritsch (teclados) e Ruy Fritsch (guitarra).

Os fãs do APOCALYPSE que querem ver a nova formação ao vivo tem uma nova oportunidade no próximo dia 20 de Agosto, Terça-Feira. O APOCALYPSE se apresenta dentro do projeto República do Rock no Teatro de Câmera Tulio Piva em Porto Alegre/RS. O show acontece a partir das 19h30 e terá abertura da banda Isidoro Pilsen. Para a entrada basta doar 1kg de alimento não perecível, mas como os lugares são limitados, haverá uma retirada de senhas à partir das 18h30.

Entre outras novidades, a música “New Sunrise” do álbum “2012 Light Years from Home” – lançado junto com o box-set comemorativo de 25 anos – está na nova coletânea “New Species Volume IX” da renomada revista Classic Rock Society da Inglaterra. Interessados em adquirir a revista e coletânea – que conta com outros nomes como Clive Nolan, Arena, The Tangent, etc – basta acessar o site
http://www.classicrocksociety.co.uk/shop/rock-society-magazine-issue-196/

Tudo o que sabemos sobre:

ApocalypseYes

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.