SPTuris discute contrato com as entidades do carnaval

Estadão

25 de julho de 2012 | 23h28

O presidente da São Paulo Turismo (SPTuris), Marcelo Rehder, disse ao blog que, para as escolas de samba, o carnaval já começou há algum tempo. Tem umas agremiações trabalhando no enredo, outras nas eliminatórias do samba, tudo isso como parte do planejamento do ano inteiro elaborado pelas entidades, uma vez que quando termina o carnaval, normalmente já se começa o andamento do próximo.

Por outro lado, comentou Rehder, que para a SPTuris a parte de eventos ligados ao carnaval 2013 começou com o sorteio da ordem dos desfiles das escolas de samba da Liga SP, ocorrido na semana passada, em grande festa realizada no Hotel Holliday Inn, localizado no complexo do Anhembi.

Verba do carnaval 2013
Com relação ao repasse de verba para o próximo reinado de momo, disse o presidente da SPTuris estar em conjunto com as secretarias de Planejamento e de Finanças da Prefeitura no momento, na fase de fechamento do contrato com as escolas de samba, esperando terminar esse estágio em aproximadamente um mês e a partir daí começar os repasses de verba ainda este ano, tanto para as escolas da Liga como da União das Escolas de Samba Paulistanas (UESP), que abriga as entidades menores do carnaval paulistano.

O mesmo procedimento, disse Marcelo Redher, será feito para com as entidades Associação das
Bandas Carnavalescas de São Paulo (ABASP) e Associação das Bandas e Blocos Carnavalescos e Cordões Carnavalescos do Município de São Paulo (ABBC), responsáveis pelos desfiles pré-carnavalescos das entidades do carnaval livre da cidade de São Paulo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.