As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Músicas e discos lançados postumamente

Gostou da gravação de Jair Rodrigues? Confira outros trabalhos lançados depois da morte de seus autores

Alexandre Ferraz Bazzan

03 Março 2015 | 11h57

O Estadão publicou com exclusividade o último registro de Jair Rodrigues. Na gravação ele lembra de seu tempo de crooner nas noites boêmias. O texto de Julio Maria e a voz de Jair emocionam e dão saudade do bem-humorado cantor nascido em Igarapava.

Veja outros trabalhos lançados postumamente:

BeatlesFree as a Bird

Paul, George e Ringo se juntaram novamente em 1994 para finalizar duas músicas deixadas por John: Free as a Bird e Real Love

Jimi HendrixFirst Rays of the New Rising Sun

Hendrix tem vários discos lançados postumamente, First Rays of the New Rising Sun tenta recriar o álbum que ele estava trabalhando antes de morrer.

NirvanaYou Know You’re Right

Frances Bean, filha de Cobain, fez uma coletânea chamada apenas Nirvana. Nela estava a pesada You Know You’re Right

Joy DivisionCloser

O disco estava pronto, mas foi lançado somente depois de Ian Curtis se enforcar em sua casa.

Amy WinehouseLioness: Hidden Treasures

Amy já não conseguia repetir em vida a qualidade presente em Back to Black, mas o álbum póstumo, como sugere o título, traz tesouros escondidos.

Otis ReddingThe Dock of the Bay

Uma das mais bonitas e conhecidas canções de Otis está no disco póstumo de mesmo nome.

John LennonMilk and honey

I’m stepping out é do disco solo Milk and Honey lançado em 1984, quatro anos depois de sua trágica e besta morte em frente ao edifício Dakota, em Nova York.

Elliott SmithFrom a Basement on the Hill

Smith tem dois ótimos discos póstumos: From a Basement on the Hill e New Moon. Esta semana surgiu novo material com a participação dele. Seu ex-companheiro de Heatmiser, Neil Gust, mostrou trechinhos em que o amigo participa de demos de No Memory. O material é do primeiro álbum que Gust lançou depois do fim do Heatmiser com sua banda No. 2.

Tupac Shakur

Shakur tem mais discos depois de morto do que em vida. Há quem acredite que ele ainda está vivo.

Chris BellI am the cosmos

Disco organizado com gravações aleatórias de Chris Bell, que iniciou sua curta carreira como vocalista e guitarrista do Big Star ao lado de Alex Chilton. I am the cosmos é daquelas músicas de cortar o coração, e é também o título da compilação póstuma.

Nat King Cole e Natalie ColeUnforgettable

Pai e filha fizeram um dueto belíssimo depois que ele morreu. A parceria rendeu 3 Grammys, entre eles música e gravação do ano.

Cássia EllerDez de dezembro

No recreio está no álbum póstumo e traz a bela voz de Cássia em uma música pop. Sem novidades.

CazuzaPor aí

Por aí tinha sido gravada no primeiro disco do Barão Vermelho, mas a regravação de Cazuza é menos rock n’ roll. Dá nome ao álbum póstumo lançado em 1991, pouco depois de sua morte.

Renato RussoO último solo

Hey that’s no way to say goodbye é um cover de Leonard Cohen lançado postumamente no disco O último solo de 1997.