Nuno Ramos confina urubus

Estadão

27 de setembro de 2010 | 16h44

Os urubus de Nuno Ramos causam impacto na exposição.  O artista, que apresenta na mostra essa obra sobre o luto – formada por três esculturas de areia negra e granito, três urubus e caixas de som com ciclos de execução das músicas Bandeira Branca, Carcará e Boi da Cara Preta – diz que a instalação foi pensada para não deixar os urubus exaustos. Leia matéria.

Tudo o que sabemos sobre:

Nuno Ramosurubus

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.