Casa do Papel seleciona artistas para residência gráfica na Flip
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Casa do Papel seleciona artistas para residência gráfica na Flip

Leia ainda na coluna Babel: Amazon seleciona autores independentes para pitching na Flip, os novos livros de Agualusa e Yann Martel, autor de 'A Vida de Pi', a carta de Pero Vaz de Caminha traduzida para o português moderno e muito mais

Maria Fernanda Rodrigues

03 de junho de 2017 | 06h30

Casa do Papel seleciona artistas para residência na Flip

residência gráfica flip

(Foto: Casa Rex)

Parceria entre a editora Lote 42, a fabricante italiana de papel Fedrigoni, a Associação Brasileira de Encadernação e Restauro e o Istituto Europeo di Design, a Casa do Papel, que será montada na Flip (26 a 30/7) para oficinas, exposições e experiências gráficas, acaba de ganhar mais uma função. Serão abertas nesta semana as inscrições para uma residência gráfica que será realizada lá. Serão selecionados quatro artistas que, sob a supervisão de Gustavo Piqueira (foto), da Casa Rex, vão trabalhar num livro com crônicas de Lima Barreto publicadas em jornais. Da concepção do volume à encadernação – tudo será feito na casa, que hospedará os artistas e estará aberta ao público. O lançamento será no último dia da Flip.
*
Maurício de Almeida acaba de ser escolhido pelo Prêmio Off Flip para uma residência literária de um mês em Paraty.

DIGITAL
Autopublicação na Flip
A Amazon vai, pela primeira vez, à Flip. No sábado, 29, ela faz um pitching com 10 autores independentes (as inscrições serão anunciadas nos próximos dias). Eles apresentam seus projetos/livros para profissionais do mercado editorial, que fazem uma avaliação. Fora isso, haverá um workshop sobre autopublicação. Tudo na Casa Santa Rita da Cassia.

LUSOFONIA
Os sonhos de Agualusa
O angolano José Eduardo Agualusa virá ao Brasil para uma série de lançamentos de A Sociedade dos Sonhadores Involuntários (Planeta). O primeiro será na Flip. Depois, passa por SP, Recife e Belo Horizonte.

HISTÓRIA
Como se fosse hoje
Chega às livrarias este mês, pela Sesi-SP, uma nova edição de A Carta de Pero Vaz de Caminha, com tradução para o português moderno feita por Ivo Barroso.

ROMANCE
Depois de Pi
Autor de A Vida de Pi, Yann Martel lança, pela Tordesilhas, também este mês, As Altas Montanhas de Portugal. A obra mostra três histórias de perdas.

FICÇÃO
A história de Lázaro
Sai pela Biblioteca Azul, em agosto, O Evangelho Segundo Lázaro. O luso-americano Richard Zimler apresenta a história ficcional do homem ressuscitado por Jesus. É o próprio Lázaro quem narra esta obra sobre revolta, tirania, fé, descrença e luta entre o bem e o mal.

JUVENIL – 1
Fim e recomeço

Manu Maltez

Manu Maltez está lançando, pela SM, Cambaco. O título do livro de imagens (acima), sobre o ciclo da vida, vem de dialeto moçambicano e remete à expressão ‘elefante velho, solitário, afastado da manada’.

JUVENIL – 2
O autor como editor
O Plataforma21, selo da V&R, comprou os direitos da tetralogia Pandava Sisters, de Roshani Chokshide. A série inédita, sobre uma menina de origem indiana que vive com a mãe num museu nos EUA, é a primeira indicada pelo autor de Percy Jackson, agora responsável pelo selo Rick Riordan Presents, da Disney Hyperion.

LEITURA
Biblioteca digital
Desde quinta, 2, 40 escolas estaduais da capital estão usando a Árvore de Livros. Os 42 mil alunos do Ensino Médio e os 1.500 professores ganharam login e senha e podem ler quantos livros quiserem. Os pais também podem pedir acesso.

Tendências: