Biblioteca Jovem, um projeto do Instituto Brasil Leitor, chega à Fundação Casa
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Biblioteca Jovem, um projeto do Instituto Brasil Leitor, chega à Fundação Casa

E mais na Babel de sábado, 16 de maio: novo evento literário começa a ser pensado, autora de infantil sobre Anne Frank deve vir à Bienal, Cosac Naify lança box de 'Alice', biblioteca de Sevcenko à venda, etc.

Maria Fernanda Rodrigues

15 de maio de 2015 | 21h17

BIBLIOTECA
Projeto do Instituto Brasil Leitor chega à Fundação Casa

(Foto: Eliel Nascimento/Divulgação)

(Foto: Eliel Nascimento/Divulgação)

A unidade da Vila Guilherme da Fundação Casa ganha, na sexta-feira, uma biblioteca novinha. Trata-se da Biblioteca Jovem, parceria entre o centro de atendimento socioeducativo, no qual cerca de 100 adolescentes infratores estão internados, e o Instituto Brasil Leitor. Mas ela não apareceu pronta de uma hora para a outra. Foram os próprios meninos que ajudaram a criá-la montando as estantes, organizando os livros e decorando a sala – tanto que fizeram oficinas de grafite. Isso tudo para que se apropriassem do espaço. No acervo, 922 títulos sobre os mais diversos assuntos e gêneros. De clássicos à literatura contemporânea, de matemática a português, de mangás a obras sobre profissão. Alguns exemplos: Eu me Chamo Antônio, de Pedro Gabriel, e Amanhecer Esmeralda, de Ferréz.

EVENTO – 1
O grande encontro
Secretaria Municipal de Educação de São Paulo, Câmara Brasileira do Livro, Associação Nacional de Livrarias e Itaú Cultural estão começando a conversar sobre um grande evento literário que deve ser realizado em novembro em livrarias e equipamentos municipais.

EVENTO – 2
Ano da Holanda
Janny van der Molen, autora de Lá Fora, A Guerra, infantil sobre Anne Frank que, como a coluna adiantou, sairá pela Rocco, deve vir para a Bienal do Rio. Nessa época, outros 10 holandeses estarão no País para o Café Amsterdã (26 a 30/8, SP, e 2 a 6/9, Rio). Todos eles terão livros lançados aqui até o festival por editoras variadas: Peter Buwalda (Alfaguara), Arjen Duinker (Confraria do Vento), Arnon Grunberg (Rádio Londres), Toine Heijmans (Cosac Naify), Marjolijn Hoff (Martins Fontes), Herman Koch (Intrínseca já publicou O Jantar e prevê mais um título), Ton Meijer (Editora 34), Edward van de Vendel (Cosac Naify), Tommy Wieringa (Rádio Londres) e Barbara Stok (que já lançou Vincent, pela L&PM).
*
O Café Amsterdã está sendo organizado pela Fundação Holandesa das Letras, responsável, também, por conceder bolsas de traduções que viabilizaram as publicações.

SEBO
Vende-se uma biblioteca
Fundador e ex-dono da Livraria da Vila, Aldo Bocchini Neto, hoje proprietário do sebo Abelivros, em Campinas, comprou a biblioteca do historiador Nicolau Sevcenko, morto em agosto. Nos próximos meses, os sete mil volumes serão divididos em lotes e estarão à venda lá e pela Estante Virtual. Não chega a ter obras raras no acervo do ex-professor da PUC, Unicamp e Harvard, mas são livros escolhidos a dedo por ele.

TRADUÇÃO
‘And Still the Earth’
De 1981, Não Verás País Nenhum, de Ignácio de Loyola Brandão, acaba de ganhar edição nos EUA pela Dalkey.

CLÁSSICO
Os 150 anos de Alice
alice
Chega às livrarias dia 25, pela Cosac Naify, o box contendo Alice no País das Maravilhas (de 2009, traduzido por Sevcenko e ilustrado por Luiz Zerbini) e o inédito Alice Através do Espelho, com tradução de Alexandre Barbosa de Souza, ilustrações (acima) de Rosângela Rennó e posfácio de Virginia Woolf.

HISTÓRIA
1.200 páginas
A Contexto também preparou um box: Guerras do Século XX. Com venda exclusiva pela Cultura, ele traz A Primeira Guerra Mundial, de Lawrence Sondhaus, e A Segunda Guerra Mundial, de Philippe Masson. Sai mais barato comprar assim.

BIOGRAFIA
Estranho no ninho
A Novo Século lança, no fim do mês, Nicholson – A Biografia. A vida e carreira do ator Jack Nicholson, com seus altos e baixos, são vasculhadas por Marc Eliot, que tem outras biografias no currículo – como as de John Wayne, Clint Eastwood, Paul Simon, Ronald Regan, Walt Disney, etc.

Tendências: