bell hooks para crianças: Boitempo prepara dois livros de um dos principais nomes do feminismo negro
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

bell hooks para crianças: Boitempo prepara dois livros de um dos principais nomes do feminismo negro

'Skin Again' sai ainda este ano e 'Grump Groan Growl', em 2023; veja outras novidades literárias

Maria Fernanda Rodrigues

06 de agosto de 2022 | 03h03

Novos infantis de bell hooks

A Boitatá, selo infantil da Boitempo, tem mais dois livros de bell hooks no prelo. Depois de publicar Meu Crespo é de Rainha, em 2018, e Minha Dança Tem História, em 2019, ela vai lançar Skin Again e Grump Groan Growl.

 

Ilustrações de Chris Raschka para ‘Skin Again’, de bell hooks

Skin Again, que deve ganhar o título de A Pele Que Me Abraça, está previsto para novembro, para o Dia da Consciência Negra. Nele, a teórica feminista retoma o tema da raça, presente em sua obra, e fala sobre o perigo de julgar uma pessoa apenas pelo primeiro olhar. Já Grump Groan Growl, ainda sem título, que sai no primeiro semestre de 2023, aborda o controle emocional das crianças e traz lições sobre temperamento e a vida em sociedade.

As ilustrações são de Chris Raschka e tradução, da poeta Nina Rizzi.

Entre outros livros de bell hooks disponíveis no Brasil estão O Feminismo é Para Todo Mundo: Políticas Arrebatadoras (Rosa dos Tempos), E Eu Não Sou Uma Mulher?: Mulheres Negras e Feminismo (Rosa dos Tempos), Ensinando a transgredir: A Educação Como Prática da Liberdade (WMF), Ensinando Pensamento Crítico: Sabedoria Prática (Elefante) e Tudo Sobre o Amor (Elefante). bell hooks morreu em dezembro de 2021, aos 69 anos.

Vida literária

Autor do romance O Próximo da Fila e organizador de coletâneas de contos baseados em músicas dos Beatles e da Legião Urbana e de Correio Amoroso, com cartas de amor, Henrique Rodrigues lança O Livro na Estrada: Leitura, Leitores e Vida Literária – seu segundo livro de crônicas sobre o tema (o primeiro foi Rua do Escritor). O lançamento, pela Cousa, será no dia 11, em Cachoeiro do Itapemirim, terra de Rubem Braga, e o autor fará oficinas de escrita para alunos da rede pública. A obra traz textos sobre o fazer literário em suas mais variadas dimensões. Depois, ele segue para outras cidades.

Ney Matogrosso no Flipoços

O cantor Ney Matogrosso é um dos convidados – e um dos homenageados – do Flipoços. No dia 10 de setembro, às 19h, ele estará na mesa De Secos e Molhados Ao Furacão Ney Matogrosso – A Vida e Obra De Um Dos Mais Importantes Artistas Brasileiros ao lado de Gisele Ferreira, curadora do festival. A mesa contará com a participação remota de Julio Maria, repórter do Estadão e autor de Ney Matogrosso, A Biografia. O tema do Flipoços este ano, que será realizado de 3 a 11 de setembro, é Letras & Música, a Sinfonia da Literatura. A entrada é gratuita.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.