Babel: ‘Eva’, novo romance de Nara Vidal, chega às livrarias em abril
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Babel: ‘Eva’, novo romance de Nara Vidal, chega às livrarias em abril

E ainda na Babel: a estreia de Tatiana Lazzarotto no romance e 'Nada Para Ver Aqui', de Kevin Wilson

Maria Fernanda Rodrigues

19 de fevereiro de 2022 | 03h00

Eva

Eva, o novo romance de Nara Vidal, chega às livrarias brasileiras em abril, pela Todavia. O livro é construído a partir de dois temas principais: o luto e a difícil relação de uma mãe e uma filha, e a vulnerabilidade da narradora inserida em uma relação de violência doméstica. Casamento falido, desistência materna e relacionamentos abusivos são alguns dos temas que circundam o romance da autora mineira.

*

Nara, que vive na Inglaterra e é idealizadora da revista e da livraria Capitolina, ficou em 3º lugar no Prêmio Oceanos, em 2019, com o romance Sorte, e foi finalista do Jabuti no ano passado com os contos de Mapas Para Desaparecer.

Quando As Árvores Morrem

Tatiana Lazzarotto (Foto: @cami.onuki/Instagram)

Luto também é o tema do romance de estreia da jornalista e escritora Tatiana Lazzarotto, contemplado pelo ProAC e com lançamento em abril pela Claraboia. Quando As Árvores Morrem traça um paralelo poético entre a perda paterna e a vida das árvores. Na história, narrada em primeira pessoa, a protagonista perde o pai de forma repentina e retorna a Província, uma cidade fictícia, para atender aos desejos deixados por ele: recuperar a casa da família e garantir que a velha árvore do quintal, já condenada, não seja derrubada. Ao mesclar a experiência do luto com as memórias de infância, a narradora relembra a trajetória do pai, que deixou a profissão de comerciante quando ela e os irmãos eram crianças, para se transformar em Papai Noel profissional – como o pai da autora. Nascida em 1985, Tatiana é uma das organizadoras do livro Cartas de uma Pandemia: Testemunhos de um ano de Quarentena, também publicado pela Claraboia.

Nada Para Ver Aqui

Sai em abril, pela HarperCollins, Nada Para Ver Aqui. O romance de Kevin Wilson, que figurou nas listas de melhores do ano do The New York Times e The Washington Post, em 2019, ganhará uma adaptação cinematográfica pelos mesmos produtores de A Culpa é das Estrelas e Cidades de Papel – filmes baseados nos livros best-sellers de John Green.

É história de Lilian e Madison, que foram colegas de quarto no colégio interno. A primeira é bolsista. A segunda, filha de uma família rica. Elas se tornam muito próximas e quando Madison é pega com drogas, seu pai suborna a mãe de Lilian para que a garota assuma culpa – e, com isso, ela é expulsa da escola. Uma década depois, período em que elas perderam o contato, Lilian recebe uma carta de Madison pedindo ajuda para cuidar de seus enteados, que podem prejudicar a carreira política de seu marido, que é senador.

Tudo o que sabemos sobre:

livroLiteratura

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.