Babel: Edifício Copan vai ganhar livraria
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Babel: Edifício Copan vai ganhar livraria

Curadora da Flip e ex-editora da Quatro Cinco Um, Fernanda Diamant quer uma livraria com curadoria. E ainda na Babel: credores aceitam plano de recuperação da Livraria Cultura, Martinho da Vila, Lisa Ginzburg e uma parceria entre FTD e Brincante

Maria Fernanda Rodrigues

12 de abril de 2019 | 19h29

MERCADO – 1
Babel: Fernanda Diamant vai abrir livraria no Edifício Copan

fernanda diamant

Copan vai ganhar livraria (Foto: Filipe Araújo/Estadão)

Curadora da Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), uma das idealizadoras da revista Quatro Cinco Um, de resenhas, e acionista do Grupo Folha, Fernanda Diamant vai abrir uma livraria no Copan. Ainda vai demorar alguns meses até a inauguração, ela diz – e garante que não será uma livraria convencional. A aposta será na curadoria, e haverá eventos no local. Tem mais. A Quatro Cinco Um que está nas livrarias é a última que leva o nome de Fernanda como editora. Ela deixou o projeto (mas segue como editora de ciência).

MERCADO – 2
O drama da Cultura
A Livraria Cultura reuniu seus credores na tarde desta sexta, na esperança de aprovar seu plano de recuperação judicial. Deu certo – mesmo com todo deságio e toda carência.

MERCADO – 3
Livro, limão e limonada
As pequenas e médias livrarias nunca gostaram muito de feiras como a da USP, onde editoras vendem diretamente para o leitor com pelo menos 50% de desconto – margem que elas nunca tiveram. Com o mercado editorial de pernas para o ar – e a 2.ª edição da Feira da Unesp movimentando o câmpus da Barra Funda até domingo –, não foi de se estranhar (tanto) a mensagem da Associação Nacional de Livrarias aos seus associados: “Faça do limão uma limonada”. A sugestão foi que aproveitassem o calendário de feiras para comprar com descontos maiores do que conseguem no dia a dia.

ENSAIO
Estreia no Brasil
Lisa Ginzburg terá Buongiorno Mezzanotte, Torno a Casa publicado no Brasil com tradução de Francesca Cricelli, pela Nós. Trata-se de um ensaio literário sobre o exílio, língua e subjetividade. Lisa, que vive em Paris, é filha do historiador italiano Carlo Ginzburg e neta de Natalia Ginzburg.

CRÔNICA
Um ano atípico
Martinho da Vila lança em maio, pela Kapulana, 2018 – Crônicas de um Ano Atípico, em que fala sobre seus 80 anos, música, literatura e ainda sobre o assassinato de Marielle Franco, as eleições e sua visita a Lula em Curitiba.

INFANTIL
Brincadeiras de sempre

Cumarim: A Pimenta do Reino

FTD Educação e Brincante lançam, no 2.º semestre, Cumarim: A Pimenta do Reino, baseado em espetáculo homônimo de Rosane Almeida. Com ilustração (acima) de Willian Santiago, a obra traz QR codes – o leitor vai poder ver as brincadeiras da história em vídeos do Brincante.