Babel: Cultura volta a atrasar pagamentos e espera vender Estante Virtual para Magazine Luiza
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Babel: Cultura volta a atrasar pagamentos e espera vender Estante Virtual para Magazine Luiza

Em recuperação judicial, Livraria Cultura, que acaba de inaugurar loja em Fortaleza, pede mais prazo e parcelamento para garantir vendas no Natal e sonha com a venda da Estante Virtual; leia outras notícias do mercado editorial na coluna Babel

Maria Fernanda Rodrigues

29 de novembro de 2019 | 12h28

Vai chegando o Natal e a Livraria Cultura, em seu primeiro dezembro desde a recuperação judicial, pede mais prazo para pagar as editoras e implora pelo fornecimento de livros neste que é um dos melhores períodos do ano para o setor.

Em um e-mail enviado esta semana, que irritou os fornecedores, ela pede para adiar pagamentos atrasados. E pede para parcelar os novos faturamentos em quatro vezes, pagando a partir de janeiro. A mensagem termina dizendo que “a notícia não é boa”, “os timings estão ruins” e que “não queremos e nem podemos perder a venda de Natal”.

Livraria Cultura do Conjunto Nacional (Foto: Amanda Perobelli/Estadão)

No meio disso tudo, uma informação, tratada a princípio como especulação por profissionais do mercado ouvidos pela coluna: a Livraria Cultura ‘vendeu’ a Estante Virtual. Os trâmites seriam encerrados em fevereiro, quando a Cultura teria dinheiro para “pagar os valores em aberto”.

A informação agora é que o Magazine Luiza, que começou a vender livros em seu site em abril, fez uma oferta pela plataforma que reúne os principais sebos do País. Segundo o Publishnews, a venda, no entanto, deve ser feita em leilão. Se alguém cobrir a oferta da Magazine Luiza leva a bem-sucedida empresa criada em 2005 por André Garcia.

Na noite desta sexta-feira, 29, o Magazine Luiza comentou a questão, por meio de sua assessoria de imprensa. “A Estante Virtual é um ativo da Livraria Cultura e, como parte do Processo de Recuperação Judicial da empresa, que está em andamento, há intenção de vendê-lo. Se determinadas condições forem cumpridas e o juiz competente aprovar, o Magazine Luiza poderá adquirir a Estante Virtual — após publicação de edital e transcorrência dos prazos legais.”

A Cultura comprou a Estante Virtual num falso momento de tranquilidade, em 2017 – quando recebeu dinheiro da Fnac para encerrar a operação da rede francesa no Brasil. Meses depois, pediu recuperação judicial – que foi aprovado em abril deste ano.

LIVRARIA – 2
Fortaleza e Curitiba
Enquanto essa história de desenrola e a rede de Pedro Herz entra em acordo com os editores e espera concretizar a venda da plataforma, a Cultura inaugura uma loja no Shopping Rio Mar, em Fortaleza – bem menor do que a outra que ela tinha lá antes (750 m² ante 2 mil m² de antes). A abertura foi nesta quinta-feira, 28.
*
Enquanto isso também… A rede Livrarias Curitiba inaugura neste sábado, 30, uma loja conceito no Jockey Plaza, em Curitiba, com 720 m². É a 28.ª da rede e ela não terá vitrine para integrar os ambientes e facilitar a circulação. O projeto arquitetônico promete ser mais ‘jovial, leve e urbano’ e o espaço terá ‘móveis instagramáveis.

FICÇÃO
Em Auschwitz
Em janeiro, nos 75 anos da libertação de Auschwitz (acima), a Planeta lança Última Parada: Auschwitz – a obra sairá simultaneamente em 20 países. Considerado o único livro escrito integralmente no campo de concentração, ele foi guardado por anos por Eddy de Wind, médico judeu que viveu no local, se escondeu quando começaram os rumores de que o fim do horror estava próximo, escreveu o livro e o guardou num móvel da sala até que ele foi descoberto numa exposição em Madri.

THRILLER – 1
Romance urbano
Belhell é o título do novo thriller do escritor paraense Edyr Augusto. Sai no Brasil, pela Boitempo, e na França, pela Asphalte, no ano que vem. Belhell é Belém, cenário e personagem desta narrativa que dá forma literária às diversas manifestações da violência cotidiana, “revelando que o submundo está bem mais próximo do que ousamos imaginar”.
*
Edyr é autor de, entre outros livros, Pssica, que está sendo adaptado para o cinema por Quico Meirelles, da O2, Moscow e Os Éguas.

THRILLER – 2
Suicídio juvenil
Autor do best-seller A Garota do Lago, entre outros títulos, Charlie Donlea lança seu novo thriller The Suicide House nos EUA em julho de 2020. O livro, que chega às livrarias brasileiras na mesma época pela Faro, traz de volta personagens de Uma Mulher na Escuridão que vão investigar suicídios de adolescentes que sobreviveram a um crime hediondo na escola.

ROMANCE
Livro e série
A Harlequin vai lançar, em março, Virgin River – Um Lugar Para Sonhar, obra de Robyn Carr que inspirou série homônima que estreia na Netflix no dia 6. No elenco, Alexandra Breckenridge, Martin Henderson e Annette O’Toole.

Atualizada às 20h12

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: