Will dizima sem dó, nem pena

Will dizima sem dó, nem pena

João Wady Cury

13 Setembro 2018 | 11h51

Trecho da peça ‘E Com um Beijo… Morro’. Foto: MICHEL IGIELKA

 

É batata que o ídolo máximo do teatro, Will Shakespeare, é implacável e dizima suas personagens sem dó, nem pena. Mas ver todo esse massacre numa única montagem é outra conversa. E com um beijo… Morro (foto acima) reúne 68 mortes de personagens shakespearianas, inclusive a de Romeu, tadinho, cuja derradeira frase após tomar o veneno que o levaria para o nada, batiza a peça escrita e dirigida por Márcia Nemer – a frase original dita pelo atormentado Montecchio é Thus with a kiss I die. Estreia dia 21 de setembro no teatro da SP Escola de Teatro, na Praça Roosevelt e tem no elenco o coletivo Bobik & Sofotchka, formado na Alemanha.