Furacão Passô

Furacão Passô

João Wady Cury

27 Janeiro 2017 | 16h11

Atriz, dramaturga e diretora, Grace Passô é praticamente uma onipresença nos palcos de São Paulo e Rio desde o ano passado. Depois de encerrar a temporada de Krum, no Teatro Anchieta, hoje atua em Vaga Carne, texto de sua autoria, no Sesc Pompeia, e, no Rio, o seu Mata Teu Pai faz sucesso com a atriz Débora Lamm.

Os dois espetáculos viram livro neste primeiro semestre. Está saindo do forno pela Editora Cobogó o texto de Mata Teu Pai enquanto Vaga Carne ganhará as livrarias em poucos meses por uma editora independente de Minas Gerais.

Não bastassem as duas peças e o furacão editorial, até o fim do ano a atriz mineira terá mais novidades. A evolução de Projeto Brasil, com a Companhia Brasileira de Teatro, que foi encenada no ano passado e encerrou temporada no Cacilda Becker em dezembro, e uma esperada sequência de Vaga Carne — leia aqui a reportagem de Leandro Nunes sobre a montagem.

 

 

MataTeuPai_capa