As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Documentários são premiados no Festival de Curtas

Adriana Plut

01 Setembro 2013 | 14h33

O 24º Festival Internacional de Curtas-metragens de São Paulo terminou na última sexta-feira (30.8) e apresentou os melhores filmes da programação segundo o público nas mostras brasileiras e internacionais. Os documentários “As Sete Mortes de Pedro, O Garoto que Colecionava Caveiras”, Fabricio Brambatti e “A Noite do Urso” (Suíça) foram escolhidos entre os favoritos. A mostra não é competitiva, mas apoiadores e patrocinadores concederam diferentes prêmios, troféus e incentivos. Agora o festival parte para outras cidades, apresentando apenas os destaques da programação, sempre com entrada gratuita: 7 e 8 de setembro em Ribeirão Preto (SP), 12 a 15 de setembro em Sorocaba e Votorantim (SP) e 20 a 22 de setembro em Curitiba (PR).

Confira os melhores documentários escolhidos pelo público e também os premiados:

FAVORITOS DO PÚBLICO

Mostra Brasil

“As Sete Mortes de Pedro, O Garoto que Colecionava Caveiras”, de Fabricio Brambatti

Com voz e olhos estrangeiros, uma narrativa sobre a miséria de um vilarejo esquecido por Deus, onde um menino sem perspectivas descreve as formas como a vida se dissipa e se exaure no Nordeste brasileiro.

Mostra Internacional

“A Noite do Urso”, de Sam e Fred Guillaume (Suíça)

Em uma noite na casa do Urso, os animais falam da vida…

La nuit de l’ours Trailer from Cine3D Association on Vimeo.

CURTAS PREMIADOS

“Transmutação”, de Torquato Joel

II Prêmio Itamaraty para o Curta-Metragem Brasileiro – Menção honrosa

Programas Brasileiros

Mostra Brasil

O fogo liquefaz o que é sólido. O fogo derrete as ilusões da existência.

 

“Mauro em Caiena”, de Leonardo Mouramateus

II Prêmio Itamaraty para o Curta-Metragem Brasileiro – Prêmio Revelação

Premiado pelo Canal Brasil na categoria “Revelação”

Programas Brasileiros

Mostra Brasil

“Admiro pra caramba essa capacidade, Mauro. De se transformar em outra coisa. Como um dinossauro ou uma lembrança.”

 

“A Guerra dos Gibis”, de Thiago Mendonça e Rafael Terpins

Prêmio TV Cultura

Programas Brasileiros

Panorama Paulista

Nos anos 1960, surge uma criativa produção de quadrinhos eróticos no Brasil. A censura, porém, conspirava para o seu fim. Satã, Chico de Ogum, Maria Erótica e outros personagens se unem aos quadrinistas na batalha contra a ditadura.

 

“Redoma”, de Ana Levisky

II Prêmio Itamaraty para o Curta-Metragem Brasileiro – Menção honrosa (Prêmio Revelação)

Um tímido em frente a uma câmera é uma combinação que parece difícil e provoca estranheza. O documentário acompanha a rotina de três artistas que convivem com a timidez e conseguem se expressar, cada um à sua maneira, através da pintura, da ginástica rítmica e da música.

 

“Câmara Escura”, Marcelo  Pedroso

Troféus ABD-SP – Mostra Brasil

Programas Brasileiros

Mostra Brasil

Quando as imagens dos objetos iluminados penetram num compartimento escuro através de um pequeno orifício e se recebem sobre um papel branco, veem-se os objetos invertidos com suas formas e cores próprias.

 

“No Interior da Minha Mãe”, de Lucas Sá

Troféus ABD-SP – Mostra Brasil – Menção honrosa

Programas Brasileiros

Mostra Brasil

Uma viagem para a cidade do interior da minha mãe.

 

“Aquele Cara”, de Dellani Lima

Troféu Cachaça Cinema Clube – Melhor filme antropocêntrico

Programas Brasileiros

Programas Especiais

Em tempos de conservadorismo, um manifesto pela liberdade individual. Uma prosa biográfica sobre Jonnata Doll, um dos artistas contemporâneos mais expressivos de Fortaleza, Ceará.