Escreva (e deixe escreverem) seu romance na web

Estadão

28 de fevereiro de 2011 | 13h34

Por falar em romances colaborativos, ouvi hoje essa entrevista aqui com o criador do recém-lançado Neovella, um aplicativo on-line para a elaboração de narrativas em parcerias com outros internautas.

A Neovella se descreve como uma variação daquela brincadeira em que uma pessoa põe uma frase num papel e outra escreve a partir disso para criar a história – o nome original é exquisite cadaver, ou corpse, mas não faço ideia de como se chama no Brasil a brincadeira. Usa-se a tradução literal?

Aliás, essa mesma brincadeira inspirou uma experiência do Tim Burton sobre a qual tratei aqui no blog no fim do ano passado. Mas aquela era baseada no Twitter, esta tem como ferramenta de compartilhamento o Facebook.

E aquela foi uma única história feita pelo Burton em parceria com internautas (a história terminou no dia 6 de dezembro), enquanto na Neovella cada qual cria sua própria história, que pode ser privada (fechada para um grupo de amigos) ou pública (para qualquer pessoa que queira participar), do gênero que você quiser (poesia, romance, conto…).

Criei aqui um livro de poesias chamado Raq, fechado a participações, só para ninguém poder dizer que nunca fui lembrada numa obra literária.

É possível iniciar várias histórias ao mesmo tempo, e ainda ler e participar de criações alheias no banco de títulos em progress já disponíveis – o site está no ar desde meados de janeiro, mas já tem uma boa quantidade de narrativas no acervo, todas em inglês (mas imagino que não exista impedimento a escrever em português).

E o site promete se tornar também se tornar o paraíso da fan fiction (tramas com personagens consagrados, mas escritas por fãs), a se julgar pelas histórias de Harry Potter & cia que vi numa primeira passada de olhos…

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.