Dominó de papel

Estadão

22 de outubro de 2010 | 19h08

A rede Bookmans, que vende no Arizona livros, filmes, instrumentos musicais, eletrodomésticos e bugingangas usados, lançou na semana passada esse vídeo, com a proposta de “evocar o sentimento de se sentir envolvido com a leitura a ponto de esquecer o burburinho do resto do mundo”.

A produção exigiu 14 horas entre preparação e filmagens e, ao divulgá-lo, o site da rede descreveu: “Foi um projeto e tanto, e Harrison, nosso produtor de mídia que já trabalhou com cachorros, crianças e adultos, disse: ‘Livros são de longe os atores mais difíceis de se lidar.” Dá pra acreditar, vendo o vídeo.

(Aparentemente, o vídeo não aparece pra quem usa Firefox, confere?  Nesse caso, segue aqui o link)

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: