Quando a moda engole a trama

O burburinho corre solto nos EUA. Todo mundo quer saber sobre o longa de Sex and the City. Fotos das protagonistas são publicadas diariamente nos jornais de Nova York, já que o quarteto está gravando externas em Manhattan. Em uma das fotos, Sarah Jessica Parker, a Carrie, está vestida de noiva. Mas quem quer saber do noivo? Isso é apenas um detalhezinho bobo. O que importa mesmo é o nome do estilista que assina o modelão. Pena que não dá para ver os sapatos... Seriam eles Manolo Blahnik ou Jimmy Choo? Patricia Field, a figurinista, seja louvada! Estive em Nova York a trabalho e encontrei uma colega mexicana viciada em Sex and the City. Conseguimos uma dica quentíssima de um técnico da produção sobre onde seria gravada a externa na terça-feira passada, mas estávamos trabalhando e não conseguimos espiar. Pena, mas nos divertimos num tour nada convencional na cidade que nunca dorme. O bacana de Nova York é que ela se torna personagem das atrações lá ambientadas. Friends é o maior exemplo disso. Isso sem contar os cenários de Os Sopranos, os dois teatros na Broadway onde David Letterman e Oprah Winfrey gravam, lado a lado, seus shows, e a Trump Tower, de onde saem os infelizes aprendizes que escutam o bordão "você está demitido!" O restaurante do chef Gordon Ramsay também é atração, assim como a delicatessen por onde Felicity passava. O mais bacana, porém, é a lanchonete onde Jerry, George, Elaine e Kramer se encontravam em Seinfeld. Lá, almocei na companhia do quarteto, reproduzido em pôsteres bem bregas, claro!

Etienne Jacintho, O Estado de S.Paulo

06 Outubro 2007 | 22h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.