Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Dan Stulbach só volta à Band em novembro

Televisão

Dan Stulbach só volta à Band em novembro

Contrato de três anos foi rescindido

0

Cristina Padiglione,
O Estado de S. Paulo

07 Março 2016 | 08h51

Inicialmente prevista para abril deste ano, a série História Não Escrita, sobre episódios pouco conhecidos da História do Brasil, ficará para novembro. O programa foi anunciado em dezembro, quando a direção da casa comunicou o ano sabático ao e o aproveitamento de seu âncora, Dan Stulbach, na nova série, ao lado da historiadora Lilia Schwarcz. Nesse contexto, a Band e o ator rescindiram, amigavelmente, o contrato que ainda duraria dois anos, e ele fica livre para trabalhar em outros canais. Dona do formato, já feito na Argentina e na Colômbia, a produtora Eyeworks se associou, no projeto, à brasileira Cine Group, que teve aval da Ancine para que a série receba R$ 4,67 milhões por meio de leis de incentivo.

'História Não Escrita' será exibida também em canal pago internacional. É que entre os artigos que permitirão à série receber verba por meio de leis de incentivo fiscal está o artigo 39, que abrange só canais de programadoras estrangeiras no Brasil.
Ainda na Band, o diretor de conteúdo, Diego Guebel, disse à coluna que não aproveitaria ninguém do velho num possível retorno do programa, em 2017. Se é que o programa volta. “(Eles, da Eyeworks) Vão ter que apresentar alguma coisa totalmente nova, ou não se justifica voltar.”
Por falar em Eyeworks, a produtora, que fez o Agora é Tarde na Band, tanto com Danilo Gentili como Rafinha Bastos, já cuida do talk show que levará Fábio Porchat às noites da Record.
O fato de Porchat ter seu programa feito por produção independente é visto como vantagem no quesito liberdade de expressão, reduzindo o risco de ser supervigiado pela direção da casa. De todo modo, o programa será gravado nos estúdios da Record. 
Márcio Ballas, palhaço profissional dos mais respeitados, apresentador e diretor especializado na linguagem de clown e improviso teatral, esteve na Globo, ministrando palestra para trainees.
Vila Sésamo X Zika vírus: o canal infantil multiplataforma Zoomoo fez uma parceria com a Vila Sésamo para uma campanha em combate ao Zika Virus. São dois filmes, no ar a partir de hoje, pela TV e redes sociais.
Fina, elegante e sincera. Débora Nascimento encurtou e domou os fios rebeldes, com figurino mais sofisticado, para se distanciar da imagem de caipira e se aproximar das mulheres da São Paulo dos anos 1940, em Êta Mundo Bom!, novela de Walcyr Carrasco. 
14 de cada 100 horas de TV consumidas nos EUA já vêm da Netflix. A audiência da TV linear caiu 3% em 2015. Estudo da agência MoffettNathanson aponta que a TV sob demanda subirá 14% até 2020
“O programa é ao vivo pela primeira vez, os técnicos não têm todo o tempo do mundo e vão decidir na hora.” Tiago Leifert NO TWITTER SOBRE ‘THE VOICE KIDS’, ONTEM

Comentários