Assine o Estadão
assine

Cultura

José Eduardo Belmonte

‘Alemão’ ganha versão de minissérie na Globo

Longa com Cauã Reymond e Antônio Fagundes será dividido em quatro episódios de 35 minutos cada, com cenas adicionais

0

Luiz Carlos Merten,
O Estado de S.Paulo

12 Janeiro 2016 | 05h00

E a Globo acumula minisséries. Na semana passada, exibiu Houdini depois de Ligações Perigosas. A partir desta terçam 12, mostra Alemão – As Duas Faces do Complexo, em quatro capítulos, no mesmo horário. Sexta maior bilheteria do cinema brasileiro em 2014, o longa de José Eduardo Belmonte teve 975 mil espectadores. Belmonte acaba de dirigir outra minissérie diretamente para a Globo, Super Max. O caso de Alemão foi diferente.

A emissora contactou o produtor Rodrigo Teixeira e propôs-lhe transformar o filme numa minissérie com quatro episódios de 35 minutos cada. “E eles queriam incorporar o jornalismo, usando imagens da invasão real do Alemão, uma coisa que gostaríamos de ter feito, mas não tivemos condições. Achei que seria interessante, mas disse que o Belmonte tinha de participar da operação. O montador Bruno Lasevicius e ele fizeram a nova versão, para a qual filmamos cenas adicionais com Heron Cordeiro e Eucyr de Souza, mostrando a ocupação do Alemão também de dentro da polícia.”

Teixeira, o mais internacional dos produtores brasileiros, gostou do resultado. “Ficou bem forte.” O filme conta a história de cinco policiais infiltrados na favela, mas eles são descobertos pelo tráfico e ficam sitiados. Têm apenas 48 horas para sair dali antes da invasão do complexo pela polícia. Embora ficcional, a história remonta a eventos que o público acompanhou em tempo real pela TV em 2010. Cauã Reymond faz o dono do morro, Antônio Fagundes, o policial que comanda a operação. Na nova versão, Eucyr de Souza é o chefe de polícia.

O produtor conversou ontem com o repórter pelo telefone, pouco antes de viajar para Nova York. Na semana que vem, segue para Sundance, onde sua produtora norte-americana terá dois filmes no festival – Indignation, que o roteirista de Brokeback Mountain, James Schamus, adaptou do livro de Philip Roth, passa dia 24 e Little Men, de Ira Sachs, dia 25. No Brasil, Teixeira tem filmes rodados de Marco Dutra, José Eduardo Belmonte e Gabriela Amaral Almeida, os dois primeiros, Era o Céu e Aurora, com Carolina Dieckman. Ele confirma que inicia, no meio do ano, Alemão 2, de novo com direção de Belmonte e Cauã e Antônio Fagundes no elenco.

Comentários