instagram.com/palhacossemfronteiras
instagram.com/palhacossemfronteiras

Palhaços Sem Fronteiras: apresentação lança novos projetos e arrecada fundos para 2018

Grupo atua em áreas de vulnerabilidade social no Brasil e no exterior ; espetáculo será na Sala Crisantempo, na zona oeste de São Paulo

O Estado de S.Paulo

05 Dezembro 2017 | 15h26

Palhaços Sem Fronteiras Brasil, organização que atua em áreas de conflito e vulnerabilidade social, fará nesta sexta-feira, 8, sua apresentação de fim de ano. Além da palhaçaria e cenas de circo, serão apresentados os projetos executados em 2017 e os previstos para 2018. O grupo conta com parcerias e colaborações para expandir seu trabalho nas zonas mais delicadas do Brasil e do exterior.

No País, a organização existe formalmente desde 2016, e a principal forma de atuação são os espetáculos de palhaçaria e artes circenses, que têm o  propósito de reduzir danos e conflitos em zonas de instabilidade, como abrigos, ocupações e campos de refugiados.

Entre expedições nacionais e internacionais, o grupo já atuou na região do Rio Doce, afetada pela tragédia do rompimento das barragens em Mariana (MG), quilombos no sudeste do Brasil, periferia da grande São Paulo, El Salvador e St Marteen, território entre Venezuela e Porto Rico.

A apresentação será na Sala Crisantempo, na zona oeste de São Paulo. Os ingressos variam entre R$ 30 e R$ 60, e toda a renda será revertida para os custeios dos projetos de 2018. Allan Benatti, um dos 9 integrantes do Palhaço Sem Fronteiras Brasil conta que todo o trabalho é voluntário – a arrecadação é direcionada para custeio de manutenção, principalmente transporte, alimentação e infraestrutura para equipe.

Sobre: O Palhaço Sem Fronteiras começou em 1993 na Espanha, quando Tortell Poltrona, palhaço de formação, foi convidado por um garoto de Barcelona para apresentar uma performance em um campo de refugiados na Croácia. A intenção era levar riso para uma comunidade em vulnerabilidade e tensão social. Em 2017, segundo o site oficial da organização, são 15 as associações dos Palhaços Sem Fronteiras em todo o mundo.  

Serviço: Cabaret de Gala Solidário - Palhaço Sem Fronteiras Brasil

Data: 08 de dezembro

Local: Sala Crisantempo (Rua Fidalga, 521 - Vila Madalena)

Horário: 20 horas

Ingressos: R$ 30 - R$ 60 - compra online

 

 

Projeto em St. Maarten, uma das ilhas destruídas pelo furacão Irma. Parceria com @clownswithoutborders, @clownswithoutbordersuk e Behind beyond the community theater SXM.

Uma publicação compartilhada por Palhaços Sem Fronteiras (@palhacossemfronteiras) em

 

Mais conteúdo sobre:
Samarco El Salvador [América Central]

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.