Paul McCartney adia shows nos EUA por problemas de saúde

Em comunicado, músico diz que precisa de mais tempo para se recuperar de infecção, que o fez cancelar shows no Japão

Reuters

09 Junho 2014 | 21h55

O ex-Beatle Paul McCartney, obedecendo a ordens dos seus médicos enquanto se recupera de uma infecção viral depois de ficar doente no Japão no mês passado, remarcou algumas apresentações nos Estados Unidos.

"Lamento, mas vai levar mais algumas semanas até que possamos agitar a América novamente. Estou me sentindo ótimo, mas seguindo o conselho dos meus médicos de pegar leve durante mais alguns dias", disse McCartney em um comunicado divulgado nesta segunda-feira.

O músico de 71 anos cancelou seus shows no Japão e uma apresentação na Coreia do Sul depois de ser hospitalizado.

A turnê será retomada em Albany, no Estado de Nova York, em 5 de julho. Os espetáculos agendados entre 14 e 26 de junho em Lubbock, no Texas; Dallas; New Orleans; Atlanta; Jacksonville, Florida; Nashville, Tennessee e Louisville, no Kentucky, foram remarcados para outubro.

Todos os ingressos serão honrados nas novas datas, de acordo com a declaração.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.