Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

Cultura

Cultura » Morre aos 93 anos o cantor de tango argentino Juan Carlos Godoy

Música

Juan Manuel Barrero Bueno| efe

Morre aos 93 anos o cantor de tango argentino Juan Carlos Godoy

Após sucesso na Argentina, no anos 80 se estabeleceu na Colômbia durante dez anos; ouça algumas de suas interpretações

0

AFP

12 Fevereiro 2016 | 15h18

O cantor de tango argentino Juan Carlos Godoy, que contou com grande popularidade em países como Colômbia, morreu nesta sexta-feira, 12, aos 93 anos de idade em um hospital de Buenos Aires devido a complicações renais, informaram à Agência Efe fontes ligadas ao artista.

O cantor, cujo verdadeiro nome era Aníbal Llanos, era considerado uma referência para as novas gerações dos cantores de tango e apesar de sua avançada idade, nos últimos tempos continuava realizando apresentações.

Segundo explicou sua assessora de imprensa, Cecilia Orrillo, problemas renais fizeram com que ele fosse internado em um hospital da capital argentina no domingo passado, e seu estado de saúde foi piorando paulatinamente.

Godoy nasceu na cidade na província de Buenos Aires de Campana em 1922 e com apenas 11 anos começou a desenvolver seu interesse pelo tango, depois que os emblemáticos Carlos Gardel e Agustín Magaldi se apresentaram na Sociedade Italiana de sua cidade natal.

Estreou em 1950 na Orquestra de Mario Luzzi, à qual seguiram outras bandas.

Após sucesso na Argentina, no anos 80 se estabeleceu na Colômbia durante dez anos, onde emplacou vários sucessos.

O velório do artista acontece nesta sexta-feira em Buenos Aires.

 

 

Mais conteúdo sobre:

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.