1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Morre aos 66 anos o violonista espanhol Paco de Lucía

O Estado de S. Paulo

26 Fevereiro 2014 | 06h 41

Algeciras, cidade natal do artista, decretou três dias de luto

O violonista espanhol Paco de Lucía morreu aos 66 anos no México após um ataque cardíaco, disse nesta quarta-feira, 26, o porta-voz da prefeitura de sua cidade natal, Algeciras, na província de Cádiz, na Espanha. A cidade decretou três dias de luto.

O artista é considerado um dos grandes violonistas do flamenco, embora também tenha participado de outros gêneros musicais.

De  Lucía é autor de uma ampla discografia na qual se destaca "Fuente y caudal", de 1973, e canções como "Entre dos aguas".

O prefeito de Algeciras, José Ignacio Landaluce, disse que a cidade ofereceu à família do artista todo o apoio para organizar as cerimônias de despedida. Landaluce recebeu às 7h a notícia do falecimento do violonista.

"Sabemos que será de forma simples, como era Paco", explicou o prefeito, que deixou a cargo da família a escolha de como será a despedida, possivelmente no antigo cemitério da cidade. /EFE e Reuters