Kevin Lamarque/ Reuters
Kevin Lamarque/ Reuters

Justin Timberlake lança novo álbum e se prepara para o Super Bowl

'Man of the Woods' é o primeiro trabalho do cantor em cinco anos

AFP

02 Fevereiro 2018 | 14h02

De ídolo adolescente a um dos cantores de maior sucesso dos últimos anos, Justin Timberlake se prepara para um dos fins de semana mais importantes de sua carreira.

Nesta sexta-feira, 2, ele lança o quinto álbum de estúdio de sua carreira solo, Man of the Woods - o primeiro em cinco anos - e no domingo fará o show do intervalo do Super Bowl, um dos espetáculos de maior audiência na TV.

O novo álbum, disse o artista americano, é o mais "pessoal" de sua carreira.

"É realmente inspirado em meu filho, minha mulher, minha família, mas, mais que qualquer outro que escrevi, de onde sou", explicou em um vídeo divulgado no início do ano.

O título é uma homenagem a Silas, o filho de dois anos que tem com sua esposa, a atriz Jessica Biel, cujo nome significa "da floresta".

Em canções como Flannel ele compartilha com os fãs sua experiência como pai.

O trabalho incorpora uma sutil influência country - o cantor nasceu em Memphis, Tennessee, em 1981 -, mas Timberlake não abandona a pista de dança.

Nesta sexta-feira, uma festa de lançamento do álbum será organizada na mansão em que Prince morava em Paisley Park, Minnesota. Timberlake afirma que o artista falecido em 2016 foi uma das grandes influências de sua carreira.

No domingo ele será o outro protagonista do Super Bowl, a grande final da NFL entre New England Patriots e Philadelphia Eagles, com o show do intervalo para milhões de telespectadores.

O artista já participou do evento em 2004, mas a apresentação não é recordada pelo duo musical que formou com Janet Jackson, e sim por deixar um dos seios da irmã de Michael Jackson descoberto ao final da apresentação.

Timberlake alegou na época "uma falha de figurino", mas o canal CBS, que exibiu o show, foi multado em 550.000 dólares.

A poucas horas do grande evento, o cantor não revelou se terá algum convidado em sua apresentação. A imprensa especula sobre os integrantes do NSYNC, a extinta boy band que ele integrou, e a própria Janet Jackson.

"Vamos fazer neste intervalo algumas coisas que nunca foram feitas", comentou durante uma entrevista coletiva.

"Falando sério, este momento nos dá a oportunidade de unir as pessoas por meio do que acredito que é a melhor expressão da arte, a música", disse.

Timberlake não lançava um álbum desde 2013, quando apresentou The 20/20 Experience e The 20/20 Experience - 2 of 2 de forma consecutiva.

Mas isto não significa que ficou parado, pois em 2016 lançou o single Can't stop the feeling!, canção da trilha sonora do filme de animação "Trolls", que fez muito sucesso e foi indicada ao Oscar.

Além disso, Timberlake também prosseguiu com seu trabalho no cinema. Ele foi protagonista do filme mais recente de Woody Allen, Roda Gigante.

Mais conteúdo sobre:
Justin Timberlake Jessica Biel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.