AP Photo/Paul Sancya
AP Photo/Paul Sancya

Chris Cornell cometeu suicídio

Causa da morte, enforcamento, foi confirmada pelos legistas da cidade de Detroit

AP

18 Maio 2017 | 15h34

DETROIT - Chris Cornell, um dos mais respeitados vocalistas contemporâneos do rock and roll, cometeu suicídio nesta quarta-feira, 17, se enforcando um quarto de hotel em Detroit, de acordo com um legista da cidade. Ele tinha 52 anos.

O escritório médico de Wayne County disse que terminou a autópsia preliminar no corpo, mas que "um relatório completo ainda não finalizado". Um porta-voz da polícia disse a jornais locais que o cantor foi encontrado com um faixa em volta do pescoço.

"Ainda não há mais informações", disse o escritório, em nota.

 

Mais conteúdo sobre:
DETROIT Chris Cornell

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.