Britney Spears passa em teste de consumo de drogas

Informação foi dada pelo advogado da cantora, Sorrell Trope, a edição digital da revista People

Efe,

10 Outubro 2007 | 01h41

A cantora americana Britney Spears superou estes dias com sucesso os testes de consumo de álcool e drogas aos quais deve se submeter por ordem judicial, segundo informou na terça-feira, 9, seu advogado, Sorrell Trope.   "(Britney) passou nos testes aleatórios", disse Trope à edição digital da revista People, ressaltando que foram vários e que "todos deram negativo".   O advogado disse que as probabilidades de que Britney obtenha a guarda e custódia partilhada dos dois filhos com seu ex-marido Kevin Federline, "são boas levando em conta todas estas circunstâncias". Desde a semana passada, Federline cuida de Sean Preston, 2, e Jayden James, 1.   O juiz também ordenou na semana passada que Spears se submetesse a várias sessões de terapia familiar, sobre as quais Trope disse que nesse sentido "não houve queixas".   No mês passado, o juiz do Tribunal Superior de Los Angeles, Scott Gordon, tinha declarado que Spears era uma consumidora "habitual e freqüente" de álcool e outras substâncias, por isso que ordenou que se submetesse a provas de detecção aleatórias.   No entanto, nos dois julgamentos para a guarda e custódia de seus filhos na semana passada, os advogados de Spears reconheceram que ela não tinha feito os exames.

Mais conteúdo sobre:
Britney Spears Kevin Federline

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.