Belchior é visto ao lado de José Sarney, em Brasília

Cantor, que está desaparecido há dois anos, é fotografado em evento da OAB em 9 de fevereiro

Carol Pires, de O Estado de S. Paulo,

28 Agosto 2009 | 18h06

O cantor e compositor Belchior foi visto em Brasília, em 9 de fevereiro desde ano, em um evento com o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). A imprensa nacional e até mesmo o jornal britânico The Guardian tem especulado sobre o desaparecimento do compositor de Como Nossos Pais, hino dos anos 70, que teria ocorrido há cerca de dois anos, segundo a família dele.

 

O presidente do Senado, José Sarney, e Belchior (centro). Foto: Eugenio Novaes/OAB/Divulgação

 

O evento onde Belchior foi visto com José Sarney foi promovido pela Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) em comemoração à criação da Coordenação de Direito Eleitoral, que tem como objetivo apresentar sugestões de normas para adequar a legislação eleitoral à realidade brasileira. No site da OAB, a assessoria de imprensa registrou, à época, a presença do cantor. "O cantor e compositor, que estava visitando a OAB, também assistiu à cerimônia de instalação da Coordenação de Direito Eleitoral", diz o texto. O assessor de imprensa do órgão confirmou à Agência Estado a presença de Belchior no evento.

 

O sumiço do compositor foi noticiado em 11 de agosto na Palma Louca, revista literária da internet. Reportagem do Jornal da Tarde publicada nesta sexta, 28, informa que os documentos do cantor, de 62 anos, foram encontrados em um flat, em São Paulo. Segundo a matéria, Belchior tem uma dívida de R$ 20 mil pelo aluguel do flat e de R$ 18 mil junto ao estacionamento em que seu carro foi abandonado.

 

Ainda nesta sexta, um parente do artista declarou à imprensa tê-lo visto no Ceará, e um amigo afirma ter encontrado com o ele no hotel Sheraton de Colônia do Sacramento, no Uruguai.

Mais conteúdo sobre:
Belchior Sarney

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.