Marcos Hermes
Marcos Hermes

Arlindo Cruz continua internado e sem previsão de alta

Cantor e compositor sofreu um AVC no dia 17 de março

O Estado de S.Paulo

09 Abril 2017 | 14h13

O sambista Arlindo Cruz segue internado na CTI Casa de Saúde São José, na Zona Sul do Rio de Janeiro, após ter sofrido um AVC (Acidente Vascular Cerebral), no dia 17 de março. As notícias sobre o estado de saúde do músico são divulgadas por seu filho, Arlindo Neto, por meio das redes sociais.

E foi o que ele fez agora, para tranquilizar os fãs, postando o boletim medico em seu Instagram: "O cantor Arlindo Cruz segue internado no CTI da Casa de Saúde São José, no Humaitá, na Zona Sul do Rio de Janeiro. O quadro neurológico do paciente ainda inspira cuidados e sua evolução segue de forma gradual, de acordo com o planejamento terapêutico. Ainda não há previsão de alta"

No dia 23 de março, o filho do sambista já estava animado e escreveu em seu Facebook:  "Arlindão acordou, minha mãe pediu para ele abrir a boca e ele malandramente obedeceu a sua esposa. Obrigado por mais essa bênção, Senhor". 

O cantor e compositor Arlindo Cruz, de 58 anos, passou mal na tarde do dia 17 de março, em sua casa, no Recreio dos Bandeirantes (zona oeste do Rio), e foi levado pela mulher, Babi, para a Coordenação de Emergência Regional (CER) Barra da Tijuca (também na zona oeste), em frente ao Hospital Municipal Lourenço Jorge. Depois do atendimento inicial, o músico foi transferido numa ambulância para a Casa de Saúde São José, no Humaitá (zona sul). 

 

E não podemos perder a fé e a certeza que vai melhorar!

Uma publicação compartilhada por Arlindinho (@arlindinhooficial) em

Carreira. Arlindo Cruz é um dos sambistas mais famosos do Brasil. Autor de clássicos como “Bagaço da Laranja”, “Só pra Contrariar” e “Seja Sambista Também”, durante 12 anos ele integrou o grupo Fundo de Quintal. Entrou em 1981, quando Jorge Aragão deixou o grupo, e permaneceu até 1993. Depois fez dupla com Sombrinha, e nos últimos anos segue carreira solo.

Torcedor fanático do Império Serrano, Arlindo também é compositor de samba-enredo. Ganhou sete concursos na escola da

Serrinha (zona norte do Rio), entre 1996 e 2007, e compôs ainda para outras agremiações.

Na TV, Arlindo costuma participar das temporadas do programa “Esquenta”, apresentado por Regina Casé na Globo.

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.