AFP
AFP

Claude Durand, editor francês de García Márquez, morre aos 76

Ele foi o primeiro tradutor para o francês de 'Cem anos de solidão'

AP, O Estado de S. Paulo

07 Maio 2015 | 10h19

Morreu em Paris nesta quinta-feira, 7, aos 76 anos, o editor francês Claude Durand. Chamado de "imperador Claudio", ele publicou vários autores importantes na França, como o colombiano Gabriel García Márquez.

Durand descobriu talentos e foi um editor renomado, que divulgou na França a obra de Aleksandr Soljenítsin ou Michel Houellebecq, tradutor do inglês e espanhol e escritor de uma obra própria, que em 1979 recebeu o prêmio Medicis por "La nuit zoologique".

Nos anos 1980, passou a dirigir a editora Fayard, na qual publicou a obra de escritores como Houllebecq, Ismaïl Kadaré e Guy Debord. Ao lado da esposa, foi o primeiro tradutor para o francês de Cem anos de solidão.

Mais conteúdo sobre:
Claude Durand literatura García Márquez

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.