Um bom ano para ficção, com Pynchon e Galeano

Boas ficções também estão a caminho das livrarias brasileiras. Contra a Dia, de Thomas Pynchon; Patrimônio, de Philip Roth; Chamadas Telefônicas, de Roberto Bolaño, e Estórias Abensonhadas, de Mia Couto, serão lançados pela Companhia das Letras em 2012. Ela também edita, no formato bolso, A Vida Está em Outro Lugar, de Milan Kundera, hoje só encontrado em sebos.

Maria Fernanda Rodrigues, O Estado de S.Paulo

29 Dezembro 2011 | 03h05

Aproveitando a Flip, a editora lança um romance antigo de Ian McEwan e dois títulos de Jonathan Franzen - o Strong Motion, de 2003, e um de ensaios, ainda não revelado, mas que possivelmente será o How To Be Alone.

A aposta da L&PM em ficção é o trabalho inédito de Eduardo Galeano - Los Hijos de los Días, ainda sem título em português. Para cada dia do ano, o escritor uruguaio criou uma história baseada em alguma história real que aconteceu naquele momento.

A Globo inicia a reedição dos 17 volumes da Comédia Humana, de Honoré de Balzac com notas de Paulo Rónai. No próximo ano, saem os quatro primeiros.

A Cosac Naify lança Cães Heróis, do mexicano Mario Bellatin, e Brincadeira Favorita, do cantor escritor Leonard Cohen.

A Intrínseca prepara o lançamento de A Visita Cruel do Tempo, de Jennifer Egan, vencedor do Pulitzer de ficção em 2011. Outro livro premiado, O Mapa e o Território (Goncourt 2011), de Michael Houellebecq, será publicado pela Record. Ela lança ainda Nosso Fiel Traidor, de John le Carré, e Expurgo, da finlandesa Sophie Oksanen. Outra aposta da editora carioca é Doce Gabito, do brasileiro Francisco Azevedo, que usa a ditadura militar como pano de fundo de sua ficção.

A Casa dos Seis Tostões: Perdido em Uma Cidade de Livros, de Paul Collins, e Contos da Nova Cartilha: Segundo Livro de Leitura, de Liev Tolstoi, estão entre os lançamentos da Ateliê.

Por falar em literatura russa, mas entrando na lista de não ficção das editoras, a Edusp publica Da Estepe à Caatinga: O Romance Russo no Brasil (1887-1936), de Bruno Barreto Gomide.

Já a Zahar edita Estudos Sobre a Literatura Clássica Americana, de D.H. Lawrence. Combinando literatura e psicanálise, a dica da Ateliê é Escritas do Desejo, organizado por Cleusa Rios Passos e Yudith Rosenbaum. Na área de filosofia, a Barcarolla lança O Colecionador e Seus Pares, de Goethe. Há muito mais por vir.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.