1. Usuário
Assine o Estadão
assine

"Quem Tem Medo de Virginia Woolf" estréia no Rio

Agencia Estado

09 Novembro 2000 | 18h 38

Estréia nesta sexta-feira no Rio a peça Quem Tem Medo de Virgínia Woolf, com Marieta Severo e Marco Nanini. O clássico americano de Edward Albee , de 1962, já foi encenado diversas vezes pelo mundo, sendo montado no Brasil, nos anos 60, por Cacilda Becker e Walmor Chagas e, nos anos 70, por Tônia Carreiro e Raul Cortêz. Mantendo a tradição de elenco estelar, dessa vez é Marieta quem encarna Martha, filha do reitor de uma universidade, mulher de George, o fracassado professor de História vivido por Nanini. O drama realista de Albee, que combina elementos de tensão, suspense e violência explícita, ganhou uma roupagem nova do diretor João Falcão, valorizando os conflitos universais vividos pelo casal. O espetáculo marca o reencontro no palco de Marieta e a filha Silvia Buarque e conta ainda com a presença do ator Fabio Assunção. A peça chega à cidade depois de uma temporada de sucesso de 5 meses em São Paulo. Martha e George chegam em casa de uma festa em homenagem ao jovem e promissor Nick, professor de Biologia vivido por Fábio Assunção, e sua esposa Honey, personagem de Silvia Buarque. O clima, sempre tenso, imposto por Albee, desemboca numa guerra verbal entre o casal revelando o lado sagaz e perverso dos dois e trazendo à baila a mediocridade da vida de George e o alcoolismo de Martha, dentro de uma teia de ofensas e competição. A idéia de encenar o texto do dramaturgo americano foi de Marieta Severo. Ela assistiu à primeira montagem no Brasil e ficou impressionada com a força da história. A atriz fez questão que Marco Nanini encarasse com ela este desafio e os dois juntos dividem a produção do espetáculo. Para dirigir o grande elenco, ambos escolheram João Falcão, que já trabalhou com Nanini no monólogo Uma Noite na Lua e com Marieta em A Dona da História. O diretor optou por enquadrar a ação num único cenário, a sala de visitas de George e Martha, onde a presença de poucos objetos faz com que o público concentre-se nos atores e no texto. Escrita há 38 anos, a história continua atual expondo os conflitos humanos de forma atemporal e realista, mas pontuada com toques de fantasia. Silvia Buarque, convidada por Falcão para o elenco, volta a contracenar com a mãe no teatro, depois de um longo período de separação. Na década de 80, quando Silvia ainda dava a partida à sua carreira de atriz, as duas aturam em Madame de Sade, de Yukio Mishima. Para a estréia em grande estilo no Rio, o Teatro João Caetano receberá uma decoração especial. Quem Tem Medo de Virgínia Woolf - Estréia dia 10 de novembro no Teatro João Caetano, Praça Tiradentes, s/n -Centro. Tel. 221-0305 . De 5ª a sábado às 21h e domingo às 19h. Ingressos a R$ 25,00 (5ª, 6ª e domingo) e R$ 30,00 (sábado).

  • Tags:

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo