Público continua vendo comerciais, diz pesquisa da SKY

Assinantes usam pouco o recurso que permite gravação pulando os comerciais

Agencia Estado

27 Junho 2007 | 13h50

O terror dos anunciantes parece não ser tão assustador assim. Pelo menos é isso que a SKY apresenta ao mercado, em uma pesquisa que mostra que mesmo com o DVR - aparelho que permite que os assinantes gravem os programas pulando os comerciais - o público continua assistindo ao break comercial. Segundo dados da pesquisa - a primeira sobre o DVR no Brasil, realizada pelo Instituto Ipsos -, 59% dos entrevistados dizem que mesmo com o aparelho continuam assistindo aos programas ao vivo. O que quer dizer que mais da metade do público ainda assiste aos comerciais mesmo podendo pulá-los. Os outros 41 % já entram automaticamente na grade de programação gravada e personalizada. Desses, 44% são mulheres e 38% são homens. Esses e outros resultados virão para acalmar o mercado anunciante, uma vez que o TiVo (marca de DVR) causou o maior alvoroço ao ser lançado nos Estados Unidos, justamente pelo público pular o intervalo comercial. Por aqui, todos querem saber se o brasileiro gosta ou não de ver propaganda, ainda mais às vésperas do lançamento da TV aberta digital.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.