Polícia de NY é chamada para acabar com discussão entre Lindsay Lohan e sua mãe

A atriz Lindsay Lohan envolveu-se na quarta-feira em mais uma briga pública --desta vez com sua mãe no que a polícia de Long Island chamou de uma "discussão verbal", do lado de fora da residência da família.

Reuters

10 Outubro 2012 | 13h24

A polícia respondeu a uma chamada no início da manhã ao número de emergência sobre uma briga doméstica envolvendo Lindsay e sua mãe, Dina, mas não fez nenhuma prisão e deixou o local pouco tempo depois, disse a porta-voz da polícia do condado de Nassau.

Ela disse que a discussão ocorreu do lado de fora da casa de Dina Lohan, em Merrick, 48 quilômetros a leste da cidade de Nova York, na costa sul de Long Island. Nenhum dano foi informado.

O incidente de quarta-feira é o mais recente da crescente lista de brigas públicas envolvendo a atriz de 26 anos. No mês passado, ela brigou fisicamente com um homem em um quarto de hotel em Nova York, pelo que a mídia informou ter ocorrido quando ela exigiu que ele apagasse fotos que havia tirado com seu celular.

Uma semana antes, Lohan, que está entre idas e vindas no tribunal, foi presa em Nova York depois de um pedestre dizer a policiais que havia sido atingido pelo carro de Lindsay em um beco.

Ela foi acusada por deixar a cena do acidente, considerado um delito.

(Reportagem de Paul Thomasch)

Mais conteúdo sobre:
GENTE LOHAN BRIGA MAE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.