Pedro Almodóvar se torna Comendador da República Italiana

Cineasta espanhol recebe medalha do vice-premiê e ministro da Cultura do país

Agencia Estado

07 Junho 2015 | 10h12

O cineasta espanhol Pedro Almodóvar recebeu a insígnia de Comendador com honra ao mérito da República Italiana das mãos do vice-premiê e ministro da Cultura do país, Francesco Rutelli. Rutelli pediu a Almodóvar, na sua saudação, que continue a dizer a verdade através do seu cinema. Almodóvar respondeu com uma exaltação à honestidade e paixão do cinema italiano, pelo qual nutre uma grande admiração desde criança. Em uma conversa com jornalistas no Palácio do Governo de Roma, onde o evento aconteceu, o diretor espanhol alfinetou o cineasta Quentin Tarantino, dizendo que ele é "simpático e muito competente", mas que "possivelmente sofre de uma espécie de incontinência verbal". Pedro Almodóvar concorreu ao Oscar de melhor filme estrangeiro este ano com Volver, estrelado pela atriz espanhola Penélope Cruz. Entre seus trabalhos destacam-se ainda Má Educação (2004), Fale com Ela (2002), Tudo Sobre Minha Mãe (1999) e Mulheres à Beira de um Ataque de Nervos (1988).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.