Paris Hilton deixa escândalos de lado para atuar em filme

Socialite que ficou três semanas na prisão é confirmada no elenco de 'Repo! The Genetic Opera'

Efe,

30 Julho 2007 | 16h58

Paris Hilton, neta do fundador da rede de hotéis que leva o seu sobrenome, volta ser notícia, mas não por causa dos escândalos que costumava protagonizar até sua recente prisão, mas, sim, pelo desejo de começar a trabalhar novamente.   A "rainha da soap opera", assim chamada pelo fato de sua vida ter ganhado tintas de uma típica novela americana, foi confirmada nesta segunda-feira, 30, no elenco do filme Repo! The Genetic Opera.   O longa, um musical de suspense, está a cargo dos mesmos produtores de filmes de terror de sucesso nas bilheterias, como O Grito, diz a revista Variety.   Além de Paris, Repo! The Genetic Opera. traz no elenco o veterano Paul Sorvino (Romeu+Julieta e Dick Tracy) e Alexa Vega (Pequenos Espiões).   A direção do longa será de Darren Lynn Bourman, autor do musical e realizador de três dos quatro filmes da série O Grito.   Além de atuar na produção, uma ópera-rock futurista que se passa em 2056, Paris, que vai interpretar a filha do vilão da história, ainda terá que cantar.   Segundo declarações de Bousman à Variety, a socialite desbancou "pelo menos outras 30 atrizes" na disputa pelo papel.   Fora a habilidade para estampar as capas das revistas de celebridades, Paris também já demonstrou seus dotes de atriz e cantora.   Sua estréia no cinema foi sob a direção de Jaume Collet-Serra, em Casa de Cera. Já no mercado fonográfico, sua estréia aconteceu no ano passado com o álbum Paris.   A socialite também já deu expediente no reality show The Simple Life e em anúncios de televisão.

Mais conteúdo sobre:
Paris Hilton socialite

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.