Mehmari em múltiplos universos

Depois de uns bons anos, André Mehmari felizmente retorna ao formato piano-baixo-bateria neste CD lançado mês passado só no mercado japonês, mas que pode ser comprado pela internet, por meio do site http://diskunion.net/latin/ct/detail/BR4854. São doze faixas, entre clássicos da música popular brasileira, temas próprios de Mehmari e a sua instigante ciscada solo no domínio dos Beatles, além de duas boas incursões no terreiro erudito.

João Marcos Coelho, O Estado de S.Paulo

13 Agosto 2011 | 00h00

Nesse sentido, pode-se dizer que Afetuoso é uma espécie de radiografia do estado da arte do piano de André Mehmari, um artista omnívoro para o qual não existem fronteiras nem obstáculos técnicos.

Primeiro, as composições próprias. Ele está maduro pra fazer um disco inteiramente autoral, pois são antológicas suas crias: o lirismo da toada Que Falta faz seu Afeto, o bossa-novismo atualíssimo de Veredas; o jazz jarrettiano de Trio for Austin; o nazaretianamente buliçoso Choro da Contínua Amizade; e a monteverdiana Lachrimae, combinada com a bela suíte É Doce Morrer no Mar, de Dorival Caymmi.

A outra suíte, Clube da Esquina, que abre o disco, foi feita pra seduzir o público japonês, mas sem baixar em momento algum a qualidade.

O refinamento fica por conta de duas "recriações" de peças pianísticas de Schumann: o Intermezzo do Carnaval de Viena e Sehr Langsam (muito lentamente), do Álbum para a Juventude. Duas gemas tão finas quanto o ótimo solo de Within you Whithout You, do beatle George Harrison. Depois de tanta iguaria, pra que enfiar um corpo estranho como Ivan Lins cantando Mãos de Afeto?

ANDRÉ MEHMARI

AFETUOSO

Celeste

Preço: US$ 15

OUÇA TAMBÉM

MARCO LOBO

Artista: Com Billy Cobham e Toninho Horta Álbum: Marco Lobo Selo: Delira Música Preço: R$ 28

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.