Matrix lança em novembro livro sobre 'Os Trapalhões'

Está previsto para o próximo mês, pela Editora Matrix, o lançamento do livro-reportagem Os Adoráveis Trapalhões, de Luís Joly e Paulo Franco, os mesmos autores de Chaves: Foi Sem Querer Querendo? A nova obra, aliás, surgiu da vontade de retratar um fenômeno humorístico brasileiro similar ao do garoto pobre mexicano. "Os Trapalhões é referência no Brasil em termos de humor genuinamente simples, muito parecido com a graça inocente de Chaves", explica Joly. A idéia de um livro dedicado ao quarteto na TV é pioneira no País. Os Adoráveis Trapalhões traz curiosidades pouco exploradas na memória do grande público, como o fato de o primeiro trapalhão ter sido o galã da Jovem Guarda Wanderley Cardoso. Depois, uniram-se ao cantor para a primeira formação do grupo, Ted Boy Marino, Ivon Cury e, por último, Renato Aragão. Mas engana-se quem pensa que vai encontrar detalhes sobre as picuinhas mais recentes entre Didi e Dedé ou entre eles e os familiares de Mussum e Zacarias. "O livro fala exclusivamente sobre a origem, o auge e o fim de Os Trapalhões, que acabou oficialmente em 1995", adianta Joly. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo

AE, Agencia Estado

22 Outubro 2007 | 11h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.