1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Guru de yoga indiano Iyengar morre aos 95 anos

REUTERS

20 Agosto 2014 | 19h 17

O guru de yoga indiano BKS Iyengar, que construiu uma rede global de seguidores que incluía o maestro e violinista Yehudi Menuhin e o romancista Aldous Huxley, morreu aos 95 anos nesta quarta-feira, afirmou o site dele na Internet.

"Gerações vão se lembrar de Shri BKS Iyengar como um bom guru, estudioso e um dos pilares que trouxe o yoga para a vida de muitos em todo o mundo", disse o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, no Twitter. Shri é um título que mostra respeito.

Bellur Krishnamachar Sundararaja Iyengar começou a se dedicar ao yoga com 16 anos e foi nomeado como uma das pessoas vivas mais influentes do mundo pela revista Time em 2004.

Em 1952, o violinista Menuhin introduziu Iyengar para o mundo ocidental e o apresentou a várias outras celebridades.

O estilo de yoga do guru envolve muitas vezes o uso de adereços, tais como aparelhos de madeira e cintos para alcançar a postura correta.

Iyengar vinha sofrendo de problemas cardíacos, informou a imprensa indiana.

(Reportagem de Aditya Kalra)