Atividade paranormal, o começo

Ace - Uma Questão de Justiça

LUIZ CARLOS MERTEN, O Estado de S.Paulo

31 Outubro 2012 | 02h13

15H55 NA GLOBO

(Ace Of Hearts). EUA, Canadá, 2008. Direção de David Mackay, com Dean Cain, Britt Mckillip, David Green.

Dean Cain, o Superman da série de TV Lois & Clark, faz policial inseparável de seu cão, parceiro no combate ao crime. Um criminoso finge ter sido atacado pelo animal, que tem sua execução decretada por juiz corrupto. E agora o herói luta para salvar o cachorro. Reprise, colorido, 100 min.

Melhores Coisas

22 H NA CULTURA

(Better Things). Inglaterra, 2008. Direção de Duane Hopkins, com Rachel McIntyre, Emma Cooper, Liam McIlfatrick, Che Corr, Freddie Cunliffe.

O horário da Mostra resgata belo filme inglês sobre pessoas que tentam se libertar de suas fobias e ser mais tolerantes com elas mesmas. Uma mulher se refugia no universo das novelas, um jovem se ressente da morte da mulher amada, uma idosa tenta eliminar décadas de ressentimento pelo marido, num casamento estagnado. Todos partem de pequenos gestos para tentar mudar. Conseguirão? A emissora apresenta o filme, na sexta, em versão dublada. Reprise, colorido, 93 min.

Uma Viagem Muito louca

23 H NA REDE BRASIL

(Harold and Kumar Escape from Guantánamo Bay). EUA, 2008. Direção de John Hurwitz e Hayden Schlossberg, com John Cho, Kal Penn, Rob Cordy, Neil Patrick Harris.

John Cho e Kal Penn criaram os personagens Harold e Kumar, uma espécie de CQC da comédia norte-americana. Os dois embarcam para Amsterdã, mas o comportamento bizarro dentro do avião torna a dupla suspeita. Acusados de terrorismo, são enviados para a prisão de Guantánamo, a excrescência jurídica criada pelo ex-presidente George W. Bush na base norte-americana em Cuba. O humor é politicamente incorreto, há controvérsia se Cho & Penn são mesmo engraçados. Boa parte do público vai dizer que não. Reprise, colorido, 107 min.

Atividade Paranormal

23H30 NA RECORD

(Paranormal Activity). EUA, 2009. Direção de Oren Peli, com Katie Featherston, Micah Sloat, Mark Fredrichs.

Uma espécie de Bruxa de Blair mais intimista. Câmeras de segurança documentam as noites de um casal que teme abrigar um fantasma em casa. Tudo parece apenas sugestão, mas de repente... O filme fez tanto sucesso que virou série. Custou pouco e rendeu muito, refazendo o sonho de Midas em Hollywood. Inédito, colorido, 86 min.

TV Paga

Amor à Primeira Vista

15H30 NO TELECINE CULT

(Falling in Love). EUA, 1984. Direção de Ulu Grosbard, com Robert De Niro, Meryl Streep, Harvey Keitel.

Ambos casados, De Niro e Meryl Streep encontram-se todo dia no trem, a caminho do trabalho, e se apaixonam. O diretor Grosbard bebe na fonte de David Lean e assina aqui o seu Desencanto (Brief Encopunter). Vale pelo elenco. A dupla é excepcional. Reprise, colorido, 107 min.

Alta Ansiedade

17H15 NO TCM

(High Anxiety). EUA, 1977. Direção e interpretação de Mel Brooks, com Madeline Kahn, Cloris Leachman, Harvey Korman, Dick Van Patten.

A fantasia hitchcockiana de Mel Brooks é uma colagem de cenas (e piadas) que remetem a clássicos do mestre do suspense. O próprio Brooks faz psiquiatra que sofre de vertigem - como James Stewart em Um Corpo Que Cai - e expõe seus limites ao assumir a direção de uma clínica. Embora irregular, o filme faz rir. Melhores cenas - a câmera descontrolada que quebra o vidro ao tentar ouvir a conversa através de uma janela e o mensageiro hostil (interpretado pelo corroteirista e futuro diretor Barry Levinson). Reprise, colorido, 94 min.

Apertem os Cintos, o Piloto Sumiu

22 H NO TCM

(Airplane). EUA, 1980. Direção de Jim Abrahams, David e Jerry Zucker, com Robert Hays, Julier Haggerty, Lloyd Bridges, Robert Stack, Peter Graves.

O humor prossegue com o trio de diretores Abrahams, David e Jerry Zucker. Eles criaram um novo estilo de humor em Hollywood, desconstruindo a história e reduzindo a narrativa a uma sucessão de piadas com base em sucessos passados e presentes (na época) de Hollywood. Aqui, o alvo é a tendência chamada de disaster movie. O piloto desaparece, o avião fica desgovernado e a salvação dos passageiros depende de o copiloto superar um trauma. Impossível não rir, mas é desconjuntado (e irregular). O ex-galã Robert Stack é muito engraçado como controlador aéreo à beira de um ataque de nervos. Reprise, colorido, 86 min.

2 Perdidos Numa Noite Suja

1H40 NO CANAL BRASIL

Brasil, 2002. Direção de José Joffily, com Roberto Bontempo, Débora Fallabela.

A peça famosa de Plínio Marcos já havia sido adaptada em 1970 por Braz Chediak, com Emiliano Queiroz e Nelson Xavier. A grande novidade da versão de Joffily é transformar a dupla de protagonistas - Paco e Tonho - em brasileiros que vivem em condições sub-humanas em Nova York. Mais que isso - 'Paco' vira mulher, Débora Fallabela, a Nina de Avenida Brasil. Ela é muito boa, já era, como você poderá comprovar. Reprise, colorido, 100 min.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.