Assine o Estadão
assine

Cultura

Quentin Tarantino

Tarantino é imortalizado com homenangem no Teatro Chinês de Hollywood

Cerimônia aconteceu poucas semanas depois que o diretor também recebesse sua estrela na Calçada da Fama

0

EFE

06 Janeiro 2016 | 09h37

LOS ANGELES - O diretor americano Quentin Tarantino gravou nesta terça-feira, 5, suas mãos e seus pés em cimento para imortalizar sua figura na entrada do Teatro Chinês de Hollywood, em Los Angeles.

A cerimônia aconteceu poucas semanas depois que o diretor de Pulp Fiction e Bastardos Inglórios, e que acaba de estrear nos cinemas o faroeste Os Oito Odiados, também recebesse sua estrela na Calçada da Fama de Hollywood.

Com jaqueta de couro, camisa branca e calças pretas, Tarantino foi ao ato acompanhado de amigos como os atores Tim Roth, Channing Tatum e Christopher Waltz, que também foi o encarregado de apresentar o diretor em sua homenagem.

Entre brincadeiras e lembranças, Tarantino disse em seu discurso que suas marcas favoritas de entre todos os artistas homenageados no Teatro Chinês são as do ator e cantor Roy Rogers, que em sua condição de estrela dos filmes do oeste selvagem incluiu em sua placa de cimento as ferraduras de seu cavalo e a silhueta de uma de suas pistolas.

Desde que foi inaugurado em 1927, o Teatro Chinês é um dos cinemas mais conhecidos e icônicos de Hollywood e em sua entrada estão gravados em cimento os nomes e as marcas de pés e mãos de estrelas da sétima arte como Charles Chaplin, Humphrey Bogart, Marilyn Monroe e Robert de Niro.

Mais conteúdo sobre:

Comentários