Alexandre Meneghini/REUTERS
Alexandre Meneghini/REUTERS

Sônia Braga vai receber prêmio por sua carreira no festival 'La Orquídea' no Equador

Em reconhecimento a sua carreira, a atriz brasileira será condecorada com o Prêmio Platina de Honra

EFE

24 Novembro 2017 | 10h42

O festival de cinema La Orquídea de Cuenca, cidade no sul do Equador, abre nesta sexta-feira, 24, sua sexta edição com a presença da atriz Sônia Braga como convidada de honra, que receberá um prêmio por sua carreira.

Entre os dias 24 de novembro e 1º de janeiro serão apresentados 80 filmes na seleção oficial, que representam 42 países nesse concurso cinematográfico, que tenta se consolidar como um dos eventos mais importantes no Equador para os amantes da sétima arte.

O filme que abre a sessão será Aquarius, de Kleber Mendonça Filho, que chega ao festival após receber 33 distinções internacionais e ser o único filme da América Latina entre os 21 candidatos à Palma de Ouro em Cannes em 2016. O filme será exibido nesta sexta-feira de forma simultânea nos teatros Carlos Cueva e Pumapungo da capital da província de Azuay.

Em reconhecimento a sua carreira, Sônia Braga será condecorada com o Prêmio Platina de Honra, e haverá a projeção de uma retrospectiva de seus trabalhos, na qual se destacam filmes emblemáticos como Dona Flor e Seus Dois Maridos e O Beijo da Mulher Aranha.

+ Sonia Braga ganha o Oscar latino em Madri

Na seção Opera Prima Ibero-americana serão exibidos filmes como o boliviano Las Malcogidas, de Denisse Arancibia; o brasileiro Pela Janela, de Caroline Leone; e A Família, de Gustavo Rondón, uma coprodução venezuelana, chilena e norueguesa.

Entre os filmes da sessão Panorama Internacional figuram o espanhol Mimosas, de Oliver Laxe; Bom Comportamento, dos irmãos Safdie, dos EUA; e Las Hijas de Abril, do mexicano Michel Franco, entre outros.

No total, serão 126 exibições, incluídos filmes infantis, três projeções ao ar livre, um 'drive-in', uma maratona de curtas-metragens e a exibição especial do filme mudo O Homem Mosca, de 1923, com o acompanhamento da Orquestra Sinfônica de Cuenca, entre outros eventos.

Mais conteúdo sobre:
Equador [América do Sul] Sônia Braga

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.