Assine o Estadão
assine

Cultura

Cultura

Sessão de documentário homenageia o jornalista Daniel Piza

Será exibido no cinema nesta segunda-feira, 15, o longa 'São Paulo - Retratos do Mundo', que teve roteiro do editor executivo e colunista do 'Estado' morto em 2011

0

Camila Molina,
O Estado de S. Paulo

15 Fevereiro 2016 | 04h00

Do terraço do Marian Palace Hotel, na região de Santa Ifigênia, centro de São Paulo, o fotógrafo Cristiano Mascaro diz que aquela vista é a sua “Chapada Diamantina” na metrópole. “São Paulo é uma cidade feia e deve assumir isso”, afirma ainda, pouco depois, do alto do edifício na Avenida Cásper Libero, 65, o primeiro entrevistado do documentário São Paulo – Retratos do Mundo, que terá sessão especial nesta segunda-feira, 15, às 21h30, na unidade do Espaço Itaú de Cinema no Shopping Frei Caneca.

A exibição única do filme, lançado em 2005 pela produtora Dezembro Filmes, é agora uma homenagem ao roteirista da obra, o jornalista e escritor Daniel Piza, que morreu em 2011, aos 41 anos, e foi editor executivo e colunista do Estado. “Com direção do Flávio Frederico e com roteiro do Daniel Piza, é um documento importantíssimo para a cidade”, define o produtor do longa-metragem, Antônio Alberto Veloso Lima.

Com depoimentos de Mascaro e de outros importantes nomes como o arquiteto e historiador Benedito Lima de Toledo e o geógrafo Aziz Ab’Saber, São Paulo – Retratos do Mundo foi um dos destaques da 10ª edição do festival É Tudo Verdade em 2005. Depois disso, conta Alberto Veloso, o filme foi apenas exibido em mostras apresentadas em Cannes e em Amsterdã. “Esse documentário incrível estava parado”, destaca o empresário Victor Alvaro Simonsen, responsável pela iniciativa de resgatar o longa e promover a homenagem a Piza.

A sessão no Espaço Itaú – Frei Caneca será para convidados e aberta ao público, entretanto, a vontade de Simonsen e de Alberto Veloso é divulgar São Paulo – Retratos do Mundo de forma ampla no Brasil e no exterior. O objetivo, explicam, é mostrar a obra em cinemas, universidades e na televisão – e por ora, contam o empresário e o produtor, já está confirmada outra exibição do filme neste sábado, 20, às 20 horas, no canal Curta!.

Na época de sua realização, o documentário teve como mote a comemoração dos 450 anos de São Paulo, em 2004, para desenvolver uma reflexão aberta e multidisciplinar sobre a 4.ª maior metrópole do mundo. “É um retrato de São Paulo do início do século 21, mostrando a cidade onde vivemos nos mais diversos aspectos e opiniões”, afirma Alberto Veloso. Hoje, completa o produtor, o filme pode ser considerado “atual e clássico”.

Por meio do roteiro de Daniel Piza para São Paulo – Retratos do Mundo, a cidade é discutida sob os temas Beleza Escondida, Solidões Ligadas e Desordem e Progresso. Os convidados escolheram lugares emblemáticos da cidade para dar seus depoimentos – Mascaro aparece no Marian Palace; Benedito Lima analisa e lembra a história do Largo da Memória; Ab’Saber tece considerações na quadra da Escola de Samba Vai-Vai, na Bela Vista; mas há também as participações do arquiteto Isay Weinfeld, no Hotel Fasano; do chef de cozinha Massimo Ferrari, no Mercado Municipal; e dos jornalistas Roberto Pompeu de Toledo e Erika Palomino, respectivamente, no Estádio do Pacaembu e na marquise do Parque do Ibirapuera. Cada um deles trata das mais diversas questões em torno da complexa capital paulista.

Mais ainda, o filme traz passagens com a cantora Daniela Mercury e com o ator Renato Borghi, assim como dá voz à população quando registra, por exemplo, o então inédito fechamento do tráfego de carros na Avenida 23 de Maio, em 2004, para conceder um dia de lazer na via – assim como ocorre agora aos domingos na Avenida Paulista.

Curiosamente, como conta Alberto Veloso, também responsável pela editora Dezembro XII Edições, uma sinopse inédita escrita por Daniel Piza para a realização de um documentário sobre a história da arquitetura paulistana foi encontrada nos arquivos da produtora. “Vamos começar a trabalhar a captação de recursos para o filme”, diz o produtor, que contará com apoio de Simonsen no projeto. Segundo eles, o cineasta Cláudio Kahns foi convidado para dirigir a nova obra.

SÃO PAULO – RETRATOS DO MUNDO

Espaço Itaú de Cinema – Frei Caneca. Shopping Frei Caneca, 569, 3º Piso. Hoje, 21h30. Entrada gratuita, com ingressos limitados

Mais conteúdo sobre:

Comentários