1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

Oscar 2016: e o compadre Iñárritu fez história no prêmio das pessoas brancas

- Atualizado: 29 Fevereiro 2016 | 20h 25

Diretor mexicano levou estatueta de melhor diretor

Iñárritu e DiCaprio
Iñárritu e DiCaprio

Rock tenha esticado o que, no fundo, era uma única piada - a questão racial no Oscar, definido como ‘prêmio das pessoas brancas’ -, alguns momentos foram impagáveis e, tentando livrar a cara da Academia, expuseram o preconceito que ainda existe no cinema. Whoopi Goldberg invadindo como faxineira o set de Joy, Angela Basset celebrando o momento ‘black’ da festa, que era uma falsa homenagem a Jack Black e Sacha Baron Cohen, o melhor de todos - O Quarto de Jack é um filme sobre um monte de pessoas brancas num quarto. Hilário.

É curioso como o Oscar, tendo se tornado previsível, ainda provoca controvérsia. Meio mundo se surpreendeu com a vitória de Spotlight - Segredos Revelados, mas o longa de Tom McCarthy já vinha sendo a aposta certa de publicações como a revista Time. Aureolado pelo Sindicato dos Diretores, Alejandro González Iñárritu entrou para o seletíssimo grupo de cineastas que ganharam o prêmio da categoria dois anos seguidos.

Antes dele, venceram John Ford, em 1940 e 41 (Vinhas da Ira e Como Era Verde o Meu Vale), e Joseph L. Mankiewicz, em 1949 e 50 (Quem É o Infiel? e A Malvada). Passaram-se quantos anos - mais de 60 - e Iñárritu fez história como o primeiro latino a cravar duas vitórias seguidas como diretor - no ano passado, por Birdman, e agora, por O Regresso. Mas ele não emplacou também o prêmio de melhor filme e havia pouquíssima dúvida de que esse seria um Oscar dividido.

Brie Larson era fava contada como melhor atriz, por O Quarto de Jack, e Leonardo DiCaprio finalmente empalmou sua estatueta - ufa!- pela saga de Hugh Glass na velha fronteira (dos pioneiros) da América. O prêmio para Brie reconhece a produção independente, o de DiCaprio destaca um raro astro do cinemão que faz sua aposta, mesmo que às vezes equivocada, no cinema mais autoral.

Oscar 2016: veja a lista dos ganhadores da premiação
Chris Pizzello/Invision/AP
Vencedores do Oscar 2016

Veja, a seguir, a relação de vencedores da 88ª edição do Oscar, que teve, entre suas escolhas, a vitória comemorada de Leonardo DiCaprio (foto). 

O Oscar do compadre Alejandro, como o chamou o diretor de fotografia Emmanuel Lubezki, reconhece as dificuldades de um filme rodado em condições extremas e que demorou quatro anos para se viabilizar - foi o tempo que Iñárritu teve de esperar para ter DiCaprio. Spotlight ganhou pelo grande tema - a responsabilidade social da imprensa - e é bom, mas não é o melhor de verdade. O melhor - o operístico Mad Max: Estrada da Fúria - não levou porque Hollywood não tem coragem de premiar ação. Reconhecendo isso, como uma mea-culpa, a Academia deu a George Miller todos os prêmios técnicos que sustentam sua criatividade de grande visionário.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em CulturaX