1. Usuário
Assine o Estadão
assine

George Clooney vai dirigir filme sobre escândalo britânico de escutas telefônicas

Reuters

03 Setembro 2014 | 20h 35

'Hack Attack' é baseado no livro do jornalista Nick Davies

O ator e cineasta George Clooney vai dirigir um filme sobre o escândalo com escutas telefônicas envolvendo algumas das maiores figuras de mídia e política da Grã-Bretanha, disse nesta quarta-feira o estúdio Sony Pictures Entertainment.

Hack Attack é baseado no livro de 2014 de mesmo nome do jornalista Nick Davies, que detalha como os jornais britânicos invadiram as mensagens de voz dos telefones de celebridades, membros da família real e vítimas de crimes para obter informação privada.

"Isso tem todos os elementos -- mentira, corrupção, chantagem -- nos mais altos escalões do governo pelo maior jornal de Londres. E o fato é que a verdade é a melhor parte", disse Clooney em comunicado. "Nick é um repórter corajoso e teimoso e consideramos que é uma honra transformar seu livro para o cinema."

AFP
Clooney ganhou um Oscar de Melhor Ator Coadjuvante em 2006

O escândalo das escutas telefônicas levou o magnata da mídia Rupert Murdoch a fechar o jornal News of the World em 2011 e abandonar uma oferta de 12 bilhões de dólares pela emissora britânica de TV por assinatura BSkyB após o furor público e político e o êxodo de anunciantes.

O escândalo resultou na prisão de importantes editores britânicos e chegou ao primeiro-ministro David Cameron, cujo chefe de comunicação Andy Coulson foi forçado a renunciar em 2011 por conta do grampo telefônico enquanto ele era editor do News of the World.

A produção do filme está prevista para começar no próximo ano, disse o estúdio Sony.

Clooney, de 53 anos, também irá produzir o filme com o parceiro Grant Heslov através do estúdio Smokehouse, a empresa por trás do filme ganhador do Oscar em 2012, Argo, e pela produção deste ano Caçadores de Obras Primas, sobre o período da Segunda Guerra Mundial.

Clooney, que ganhou um Oscar de Melhor Ator Coadjuvante em 2006, também ganhou uma indicação ao Oscar de melhor diretor daquele ano por Boa Noite e Boa Sorte, sobre a lenda do noticiário Edward R. Murrow. Ele é filho do jornalista de TV Nick Clooney.

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo