1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Festival de Toronto dá a largada com Robert Downey Jr. e Robert Duvall

MARY MILLIKEN - REUTERS

05 Setembro 2014 | 10h 52

A festa de abertura do festival leva o glamour de Hollywood para um festival conhecido por seu extenso programa

Nathan Denette/AP
Robert Downey Jr. posa para fotos no tapete vermelho do Festival de Toronto

Os atores Robert Downey Jr. e Robert Duvall apresentaram seu drama disfuncional entre pai e filho, “O Juiz”, em Toronto na quinta-feira, abrindo o festival de cinema da cidade, um dos eventos que dão início à temporada de premiações do cinema.

A festa de abertura do festival leva o gosto do glamour de Hollywood para um festival conhecido por seu extenso programa - 285 filmes projetados várias vezes em 11 dias - e a participação de pessoas comuns, as quais, ao final, decidem o vencedor do prêmio.

No tapete vermelho antes da estreia de “O Juiz” no centro de Toronto, Downey Jr., mais conhecido por seu papel de super-herói na franquia “Homem de Ferro”, disse que era uma honra participar do filme que inaugura o festival.

“Eu também gosto da ideia, algo como se você tiver a primeira dança de um casamento, você realmente quer mandar bem, e espero que ‘O Juiz’ faça isso”, disse o ator.

No filme da Warner Bros. dirigido por David Dobkin, Downey Jr. é um renomado advogado de Chicago, Hank Palmer, que retorna para uma pequena cidade de Indiana para encarar o seu pai, Joseph (interpretado por Duvall), um juiz acusado de assassinato.

Hank e Joseph não apenas precisam curar certas feridas, como também se entenderem sobre a dependência que Joseph tem do filho, tanto para sua defesa quanto para sua saúde.

“Estes filmes realmente não são mais feitos”, disse Dobkin. “Eu cresci amando 'Kramer vs. Kramer’, ‘Laços de Ternura’ e ‘O Veredito’”.

O chefe da crítica de filmes da revista Variety, Justin Chang, disse que Downey Jr. e Duvall têm “uma química feroz na tela”.

“Embora seja revigorante ver Downey sair de sua armadura de Homem de Ferro por um momento”, escreveu Chang, “o júri ainda precisa decidir se um talento impressionante pode atrair espectadores suficientes para este longo e antiquada choradeira masculina".

Mas Duvall disse que inaugurar o festival era um bom sinal para o filme, cuja estreia ao público será em 10 de outubro na América do Norte.

“Eu acredito que isso mostra que as pessoas estão pensando seriamente e acredito que estejam gostando”, disse o ator de 83 anos, famoso por seus papéis em “O Poderoso Chefão” e “A Força do Carinho”, pelo qual ele ganhou seu único Oscar.

A cidade canadense será inundada de celebridades, estreias de filmes e festas durante o fim de semana, quando a atenção da mídia é maior.

(Reportagem adicional de Robert Mezan, da Reuters TV)