Bruce Willis promove 'Duro de Matar 4.0' em Roma

Ator apresenta a pré-estréia do quarto e último filme da série de seu consagrado herói John McClane

ANSA,

07 Outubro 2015 | 15h41

O ator norte-americano Bruce Willis está em Roma para apresentar, na noite desta segunda-feira, 15, a pré-estréia de seu último Duro de Matar, o quarto da série.   Duro de Matar 4.0, que chega na Itália no dia 26 de outubro, conta a história de um grupo de terroristas virtuais que planejam eliminar o sistema de informação dos Estados Unidos, lançando o país no caos. John McClane, o herói consagrado na interpretação de Willis, volta para enfrentar essa ameaça ao lado do jovem hacker Matt Farrel, vivido por Justin Long.   De camiseta branca, boné azul e muito bem-humorado, Willis faz piada com sua própria idade. "Machuquei-me duas vezes (durante as filmagens), não pulo mais como fazia há trinta anos", afirma o ator.   "São vinte e dois anos que eu faço este personagem e devo muito a ele, porque antes eu fazia apenas um pouco de TV", lembra Willis. "No primeiro Duro de Matar que fiz eu tinha apenas 32 anos, agora estou mais velho, mais lento, menos ágil e talvez mais irascível".   Sobre o estilo inverossímil da série - neste último Duro de Matar, McClane derruba o avião com um caminhão -, Willis afirma que "filmes assim fazem você andar em uma montanha-russa. Não é um documentário, mas apenas um filme de entretenimento".   Os próximos planos de Bruce Willis incluem Pinkville, um filme com Oliver Stone que retoma o massacre de My Lai, em 1968, quando cerca de 500 vietnamitas foram assassinados por norte-americanos, e Against All Enemies, ao lado de Robert Redford, baseado no livro do general Richard Clarke, que acusa a administração Bush de colocar a guerra no Iraque acima do combate à Al-Qaeda.

Mais conteúdo sobre:
Bruce Willis Duro de Matar 4.0 Roma

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.