1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Ator Phillip Seymour Hoffman é encontrado morto em seu apartamento

Luiz Carlos Merten - O Estado de S. Paulo

02 Fevereiro 2014 | 17h 07

Segundo polícia, há suspeita de overdose; ator ganhou o Oscar em 2006

O ator Philip Seymour Hoffman foi encontrado morto na manhã deste domingo em seu apartamento, em Nova York. O Departamento de Polícia de Nova York ainda investiga o ocorrido para determinar a causa da morte do ator, de 46 anos. Mas, segundo policiais, tudo indica na direção de overdose - em 2013, o ator havia sido internado para tratamento de vício em heroína. De acordo com o jornal The New York Times, um amigo do ator foi até sua casa após não conseguir contato com ele pelo telefone e encontrou o corpo na banheira do apartamento, com uma seringa enfiada no braço.

Em 2006, em entrevista ao programa 60 Minutes, Philip Seymour Hoffman falou de sua dependência das drogas. Disse que havia provado tudo. Declarou-se limpo. Há tempos lutava contra o vício. No ano passado, foi internado numa clínica de reabilitação. As drogas estavam ficando mais pesadas - heroína. Ontem, a luta de Seymour Hoffman chegou ao fim.

Justamente em 2006, Hoffman ganhou o Oscar de melhor ator por seu papel em Capote, de Bennett Miller, sobre o período em que Truman Capote escreveu À Sangue-Frio. Hoffman graduou-se em Artes Cênicas na Tisch School of the Arts, em Nova York, em 1989. Três anos depois, já estava em Hollywood, contracenando com Al Pacino em Perfume de Mulher. A carreira inclui grande papéis. Trabalhou com independentes (Todd Solondz, de A Felicidade) e com a fina flor do mainstream.

Em Boogie Nights, de Paul Thomas Anderson, de 1997, fazia o gay que tentava ir para a cama com o astro pornô interpretado por Mark Wahlberg. Anderson fez dele um de seus favoritos, e lhe ofertou papéis em Magnólia e O Mestre. Pelo último, colheu mais uma de suas três outras indicações para o Oscar. Filmou com os Coen (O Grande Lebowski) e Sidney Lumet (Antes Que o Diabo Saiba Que Você Está Morto). Foi um memorável vilão, o melhor da série, em Missão Impossível 3. E estava em outra série, Jogos Vorazes, como Plutarco Heavensbee.

  • Tags:

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo