Assine o Estadão
assine

Cultura

Visuais

Paço das Artes perde sede na Cidade Universitária em abril

Instituto Butantan vai retomar edifício na USP; programação da instituição será transferida para a Oficina Cultural Oswald de Andrade e para o MIS

0

Camila Molina,
O Estado de S. Paulo

19 Janeiro 2016 | 20h03

A Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo anunciou nesta terça-feira, 19, por meio de nota, que o Paço das Artes terá sua programação transferida para o Museu da Imagem e do Som (MIS) e para a Oficina Cultural Oswald de Andrade a partir de abril. "A solução será adotada enquanto a Secretaria busca outra sede para o museu, uma vez que a atual, localizada na Cidade Universitária, será devolvida ao Instituto Butantan, proprietário do edifício, que está remodelando sua estrutura física para dar lugar à fábrica da vacina brasileira da dengue", afirmou o órgão do governo estadual. Como parte da iniciativa, a retrospectiva da obra da artista Lenora de Barros já está agendada para ser inaugurada em abril na Oficina Oswald de Andrade. O Paço das Artes encerra suas atividades na Cidade Universitária em 27 de março.

Segundo a Secretaria de Cultura, o Instituto Butantan está há oito anos solicitando a retomada de seu prédio utilizado pela instituição cultural criada em 1970 e vinculada ao governo do Estado de São Paulo. Dirigido por Priscila Arantes, o Paço das Artes  é administrado pela Organização Social (OS) Associação do Paço das Artes Francisco Matarazzo Sobrinho, também responsável pelo MIS. Desde sua inauguração, como está na nota oficial, a instituição já ocupou locais diferentes como na Avenida Paulista, na Pinacoteca do Estado e no MIS.

A Secretaria afirma através de sua assessoria de imprensa que o Paço das Artes não será extinto. A instituição confirma a realização, entre 28 de janeiro e 27 de março, das já anunciadas exposições do cineasta Harun Farocki e da Temporada de Projetos 2016 - 1.ª Etapa no prédio da Avenida da Universidade, 1, na Cidade Universitária. Será também inaugurada em 2 de fevereiro a exposição Antigos Artefatos, organizada por Inês Raphaelian, e será prorrogada no local a mostra Títulos, do artista Thiago Honório. 

Mais conteúdo sobre:

Comentários