Liza Minnelli volta com novas canções e velhos standards

Atriz e cantora retoma o estilo cabaré e homenageia a mãe, Judy Garland

Ubiratan Brasil, O Estadao de S.Paulo

19 Março 2009 | 00h00

A atual dama do cabaré é a alemã Ute Lemper, que revelou toda a extensão de sua incrível voz no concerto apresentado anteontem, na Sala São Paulo. O cetro de rainha, no entanto, continua nas mãos de Liza Minnelli, de volta a São Paulo depois de uma curta ausência para se apresentar somente hoje, na Via Funchal. Quando esteve aqui, há dois anos, Liza ainda revelava resquícios da enfermidade que a deixou com problemas de locomoção e vocais - a voz ainda apresentava algumas ranhuras, perceptíveis especialmente em standards como Cabaret e New York, New York. Intacta, no entanto, era a carismática presença no palco: a voz sempre ofegante e carregada de emoção ao conversar com o público, a quem só tratava de ?darling?; os braços em constante agito; a cabeça em movimentos teatrais. Aos 62 anos, a filha de Judy Garland e Vincente Minnelli promete agora um show diferente do anterior. Fãs de carteirinha não precisam, porém, se preocupar - Liza não vai abrir mão de canções que se tornaram clássicas na sua voz, como World Goes Round ou Maybe This Time. Também não se deve esperar explosões de luzes e fumaça. Liza continua tradicional, à frente de 12 músicos e atrás apenas de um microfone. Não vai faltar também um tributo à sua madrinha, Kay Thompson, que cuidou dela quando criança e a ensinou a descobrir o foco das canções. É justamente esse atributo que ainda mantém a aura da atriz/cantora. Recuperada de uma doença cerebral viral que quase a matou em 2000 (na época, os médicos disseram que ela nunca mais faria um show novamente) e sobrevivente das exigências emocionais e dos custos psíquicos de uma vida no palco, Liza deve apresentar surpresas no show de hoje. Afinal, em sua temporada americana, ela cantou novas músicas, como I Would Never Leave You. Surpreendeu também com What Makes a Man a Man, de Charles Aznavour, e, preparem-se, aceitou fazer uma rara incursão no repertório da mãe. A noite, enfim, promete ser inesquecível. Serviço Liza Minnelli. Via Funchal (2.800 lug.). Rua Funchal, 65, V. Olímpia, tel. 3089-6999. Hoje, 21h30. R$ 150/R$ 500

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.