Excesso de informação é informação zero

Astral

QUIROGA, E-MAIL: astro@o-quiroga.com, O Estadao de S.Paulo

03 Outubro 2007 | 00h00

Data estelar: Vênus e Plutão estão em trígono, a Lua atinge a fase quarto minguante no signo de Câncer. Enquanto isso, aqui na nave Terra o excesso de informação resulta em informação nula, pois em vez de acrescentar sabedoria conduz nossa humanidade ao engano de achar que a quantidade de informações seria o mesmo que a qualidade delas. Para um bom entendedor, meia palavra é suficiente, mas para aqueles que não pretendem conhecer a realidade, é necessário aumentar o número e tamanho das letras e imagens, de modo que pareça grande o que na verdade é ínfimo. Nossa humanidade não deve culpar a imprensa pela falta de informação, mas a si mesma, por não influenciar os meios de comunicação para que desses surjam informações qualificadas, que libertem. Desafortunadamente, nossa humanidade ainda escolhe a mentira que conforte o ódio que sente do que a verdade que a liberte. ÁRIES 21-3 a 20-4 A falta de honestidade não dura muito tempo, pois na hora de todo mundo ter de arregaçar as mangas e provar para que veio, aí os desonestos logo ficam desmascarados. Desse modo, não se preocupe com isso, e sim em trabalhar direito. TOURO 21-4 a 20-5 Ir além dos problemas não é o mesmo que empurrá-los com a barriga para um futuro incerto, achando que o universo os esquecerá e você poderá viver sem resolvê-los. Tornar-se adulto significa tomar decisões difíceis. GÊMEOS 21-5 a 20-6 Palavras são energia, e por isso não devem ser desperdiçadas, como se alguém pudesse jogar pérolas aos porcos impunemente. Opte pelo silêncio, pois quando você se abstém de falar, conserva também uma preciosa energia. CÂNCER 21-6 a 21-7 Nunca deixe passar em branco quaisquer oportunidades em que puder elogiar alguém, desde que com a alma motivada pela sinceridade, pois de outro modo seria melhor silenciar. O elogio sincero abre portas, enquanto que o falso as fecha. LEÃO 22-7 a 22-8 Você não precisa mostrar nada a ninguém, pelo que, quando uma atitude assim começar a surgir em sua alma, questione-a, perceba se é realmente necessário você dar explicações ou se, pelo contrário, seria melhor deixar passar tudo em branco. VIRGEM 23-8 a 22-9 Demonstre a fé através de atitudes práticas. Todo mundo faz propaganda da fé, mas poucas são as pessoas que se atrevem a colocá-la em marcha experimentando formas novas de fazer com que as coisas funcionem, a cada dia, melhor do que antes. LIBRA 23-9 a 22-10 As pessoas andam desnorteadas o suficiente para dar conselhos tolos, sempre travestidos de perícia e autoridade. Por isso, será melhor que você não busque orientação nelas, mas em sua própria alma, na intimidade do silêncio. ESCORPIÃO 23-10 a 21-11 O universo é uma brincadeira divina, e de muito bom gosto, diga-se de passagem. Aqui na Terra as coisas não parecem assim, muito pelo contrário até, mas essa parte não compete à brincadeira divina, e sim à humana. SAGITÁRIO 22-11 a 21-12 Tudo é novo quando a alma se dispõe a enxergá-lo assim. Até as coisas do dia-a-dia, que parecem ser as mesmas de sempre, podem mudar quando você transforma seu ponto de vista. De dentro para fora, nasce uma nova consciência da vida. CAPRICÓRNIO 22-12 a 20-1 Preservar a firmeza nos propósitos é muito importante. Porém, também é valioso reconhecer o momento em que estes precisam ser mudados, ou reinventados, pelo menos. Tudo muda entre o céu e a Terra, os propósitos, inclusive. AQUÁRIO 21-1 a 19-2 O crescimento e prosperidade desejados não poderiam acontecer de forma natural, como uma dádiva paradisíaca, pois se assim fosse, o mundo inteiro seria próspero e feliz. A felicidade precisa ser arrancada, pois não vai cair do céu em seu colo. PEIXES 20-2 a 20-3 Quando os olhos da alma buscam a oportunidade de satisfazer a ambição, a paciência é logo jogada para escanteio, o que nunca será muito bom. Porém, as coisas são como são, sempre muito distantes do que seria realmente perfeito.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.