A visita inevitável de uma realidade estranha

Forastero Jorge Accame Alfaguara 220 págs., R$ 59 O passado é como um país estrangeiro onde os homens fizeram as coisas irreconhecíveis. Forastero, do argentino Jorge Accame, autor de Cumbia e Venecia, alude a esse dilema com que os indivíduos fatalmente se deparam: a visita de uma realidade estranha. Este romance fala da identidade que um personagem precisa assumir quando penetra em território desconhecido, onde os rumores sobre sua vida se adensam formando uma cerração. Esse indivíduo parece viver em cativeiro e atrás da expiação de uma culpa cuja origem é ignorada. Premio La Nacion/ Sudamericana de 2008, Forastero tem o dom de desentranhar para o leitor a complexa estrutura do real, esse mistério cheio de matizes.

, O Estadao de S.Paulo

21 Março 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.